CPI da Covid decide suspender depoimento de diretora da VTCLog

Convocada às pressas para depor, Andréia Lima alegou ter 'compromissos inadiáveis'
-Publicidade-
Sem depoimentos hoje, CPI da Covid deve votar requerimentos em sessão administrativa
Sem depoimentos hoje, CPI da Covid deve votar requerimentos em sessão administrativa | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

A CPI da Covid anunciou que não vai mais colher o depoimento da diretora da VTCLog, Andréia Lima, que falaria à comissão nesta terça-feira, 31. A empresa é responsável por serviços de logística do Ministério da Saúde, incluindo o transporte e a distribuição de vacinas contra a covid-19.

A empresária comunicou à cúpula do colegiado que não poderá comparecer à sessão de hoje porque já havia marcado “compromissos inadiáveis”. A oitiva de Andréia tinha sido agendada às pressas, na noite de segunda-feira 30, depois de o motoboy Ivanildo Gonçalves ter obtido um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) para não depor à CPI.

Leia também: “A CPI virou um monstro”, artigo de Silvio Navarro publicado na Edição 72 da Revista Oeste

-Publicidade-

A diretora da VTCLog se colocou à disposição da comissão para prestar depoimento na quarta-feira 1º. Ainda não há confirmação oficial da nova data da oitiva da empresária.

Diante das dificuldades de agendar depoimentos hoje, a sessão da CPI da Covid desta terça-feira será administrativa, destinada à votação de requerimentos — entre os quais, uma nova convocação do motoboy.

Leia mais: “Nunes Marques permite que motoboy falte à CPI da Covid”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário

  1. Um Motoboy que saca CINCO MILHÕES em dinheiro vivo! Uma empresa que movimenta centenas de milhões de reais recebidos do Governo faz pagamentos em espécie a quem? Não poderia fazer transferências bancárias; depósitos diretos; PIX e outras modalidades previstas no sistema? Chega um momento em que as explicações não convencem mais. Ninguém , ninguém em sã consciências pode acreditar mais nessa balela sem fim. Houve manchete desta Revista afirmando a farsa da CPI; os parlamentares envolvidos com a justiça na direção e relatoria da CPI; o palanque armado na CPI com objetivos eleitoreiros ,etc. tudo até aceitável e compreensível. Não obstante, há sim indícios fortíssimos de muita roubalheira. Indícios com os quais está muito difícil conviver e justificar. Defender o indefensável.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro