CPI da Covid ouve hoje servidora do Ministério da Saúde implicada no caso Covaxin

Regina Célia Silva Oliveira é apontada como a responsável por autorizar a compra do imunizante indiano
-Publicidade-
A oitiva de hoje ocorre depois de depoimento dos irmãos Miranda
A oitiva de hoje ocorre depois de depoimento dos irmãos Miranda | Foto: Kevin David/A7 Press/Estadão Conteúdo

Regina Célia Silva Oliveira, funcionária do Ministério da Saúde, presta depoimento nesta terça-feira, 6, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19. A servidora é apontada como a responsável por autorizar a compra da Covaxin, vacina indiana contra o coronavírus na mira dos congressistas.

Em oitiva na CPI, os irmãos Miranda denunciaram suposto esquema de aquisição do imunizante, que teria ocorrido com a anuência de Regina. A sessão de hoje da CPI objetiva esclarecer em quais condições o governo brasileiro negociou um acordo bilionário para obter unidades do produto estrangeiro.

Leia também: “Circo Parlamentar de Inquérito”, reportagem publicada na Edição 61 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site