Decisão de Moraes ‘põe em xeque todo o Parlamento’, diz Silveira

'Até aceito, sim, a imposição, quando os deputados decidirem se vai ser ou não aplicada', declarou, no plenário da Câmara
-Publicidade-
Deputado Daniel Silveira, no plenário da Câmara | Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
Deputado Daniel Silveira, no plenário da Câmara | Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

Depois de passar a noite na Câmara, o deputado Daniel Silveira (União Brasil-RJ) discursou no plenário da Casa no início da tarde desta quarta-feira, 30. Ele pediu que os colegas analisem as medidas cautelares impostas contra ele.

Silveira disse que não se recusa a cumprir ordens judiciais, mas as medidas impostas contra ele pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes “colocam em xeque todo o Parlamento e o Poder Legislativo”.

-Publicidade-

O deputado disse que a imposição de qualquer medida cautelar a um deputado tem de passar pela Câmara caso ela atrapalhe o livre exercício do mandato parlamentar.

“O que estou dizendo é que até aceito, sim, a imposição, quando os deputados decidirem se vai ser ou não aplicada”, declarou.

Daniel Silveira continuou: “Não adianta eu chegar aqui e dizer: ‘Aceito’. Abrir um precedente contra o Poder Legislativo e uma escalada de autoritarismo por uma única pessoa, isso é inadmissível”.

O deputado chegou a ser preso no ano passado sob a acusação de supostos atos antidemocráticos contra os juízes da Suprema Corte, após divulgar um vídeo com ataques aos ministros. Depois foi solto, mas com a imposição de medidas cautelares, como a proibição de acesso às redes sociais.

Na semana passada, Moraes acatou pedido da subprocuradora-geral da República, Lindôra Araújo, para que o deputado volte a ser monitorado por tornozeleira eletrônica e seja proibido de participar de eventos públicos.

Ontem, o ministro determinou a instalação imediata da tornozeleira e autorizou que a medida seja cumprida dentro da Câmara dos Deputados, se necessário.

Ao pedir que ele use o equipamento eletrônico, Lindôra Araújo disse que os discursos proferidos pelo parlamentar ultrapassam o exercício do direito de crítica aos Poderes Constitucionais.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Corajoso Deputado Daniel Silveira, assim que tiver um tempinho, não se esqueça de agradecer àqueles que têm alavancado a sua candidatura, mesmo que a contragosto.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.