Depois de Bolsonaro dizer que ‘só Deus o tira da cadeira’, embaixador da China publica que ‘Deus é o povo’

Yang Wanming divulgou a mensagem no Twitter
-Publicidade-
Brasília: O embaixador da China, Yang Wanming, durante o Fórum de Think Tanks China-Brasil | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Brasília: O embaixador da China, Yang Wanming, durante o Fórum de Think Tanks China-Brasil | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, escreveu no Twitter que o “povo é Deus”. A publicação foi feita no domingo 18, dia em que o presidente Jair Bolsonaro dissera que só a deidade cristã o tira do Palácio do Planalto. Na ocasião, o chefe do Executivo deixava o hospital depois de passar por um tratamento de desobstrução do intestino.

Ao sair da unidade de saúde, o presidente também disse que são grandes as chances de o voto auditável não ser aprovado na Câmara dos Deputados. Conforme noticiou a Revista Oeste, os ministros do Supremo Tribunal Federal entraram em campo para barrar a medida no parlamento. Bolsonaro defende a impressão do comprovante do voto.

Leia também: “É proibido modernizar a urna eletrônica?”, reportagem publicada na Edição 69 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site