Depois de giro pelo Oriente Médio, Bolsonaro deixa Doha rumo a Brasília

Principal objetivo da viagem foi fortalecer as relações entre o país e as nações da região do Golfo Pérsico
-Publicidade-
O presidente Jair Bolsonaro deixou Doha e já está a caminho do Brasil
O presidente Jair Bolsonaro deixou Doha e já está a caminho do Brasil | Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro deixou Doha, no Catar, na madrugada desta quinta-feira, 18 (pelo horário de Brasília), e já a caminho da capital federal. Ele encerrou uma viagem oficial por três países do Oriente Médio. Antes do Catar, havia passado por Emirados Árabes e Bahrein.

Segundo o governo brasileiro, o principal objetivo da viagem foi fortalecer as relações entre o país e as nações da região do Golfo Pérsico, grandes produtoras de petróleo e que possuem fundos soberanos de investimentos.

No sábado 13, Bolsonaro chegou a Dubai, onde visitou uma feira de negócios da aviação. Ele esteve no pavilhão do Brasil no evento e se reuniu com o emir Mohammed bin Rashid Al Maktoum. Na terça-feira 16, o presidente da República inaugurou a embaixada brasileira no Bahrein.

-Publicidade-

Já em Doha, última etapa da viagem, Bolsonaro reuniu apoiadores e participou de mais uma de suas tradicionais “motociatas”, agora em versão internacional. “Fui convidado aqui para dar um passeio de moto na capital. Vou dar uma volta. Uns 30, 40 minutos e retornar. É uma febre. Aquilo que foi plantado no Brasil pelos motociclistas está pegando e vai pegar no mundo todo”, disse o presidente.

Segundo a agenda oficial da Presidência da República, a chegada de Bolsonaro a Brasília está programada para a noite desta quinta-feira, por volta das 22h30.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. Bolsonaro é mito mesmo, ta tentando resolver esse problema da Petrobras indo falar diretamente com os lideres do petroleo mundial: BAHREIN A economia é baseada principalmente na produção e processamento de petróleo, que respondem por 60 por cento das exportações e 30 por cento do produto interno bruto (PIB). O Bahrein também tem comunicações e transporte bem desenvolvidos, o que permitiu que se tornasse um centro bancário e financeiro, e é a sede de várias empresas multinacionais que fazem negócios na área do Golfo Pérsico.

  2. PERFEITO PRESIDENTE, É ISSO MESMO, ABRIR CAMINHO PARA O CAPITAL ÁRABE!
    QUANTO AO OUTRO, É DIGNO DE RISO UM PAÍS RECEBER COM HONRAS DE CHEFE DE ESTADO UM PRESIDIÁRIO, SOLTO, MAS NÃO INOCENTE!!!

  3. Enquanto isso, um silêncio ensurdecedor na grande midia, sobre a visita de Lula na Europa, recebendo honrarias e recebido por chefes de estado, é uma amostra clara da política da grande midia na cobertura jornalística!

    1. Ô Mamaciel, precisa desenhar para você que o seu “idalo”, vulgo luladrão, é um presidiário solto mas não inocente, é uma atitude medíocre por parte de quem recebe um bandido com honrarias, isto só demonstra a decadência de estados como a França por exemplo, faça um teste você mesmo, convide o seu “idalo” para dar uma caminhada pela Av. Paulista.

  4. Depois de uma semana de um rolê pelos emirados das arábias, o velho garotão se despede dos sheiks, agradecendo por uma semana de diversões. Muito obrigado, pessoal, tá OK?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.