Deputado petista toma chope no Uruguai e Câmara paga a conta

Zeca Dirceu, filho do ex-ministro e condenado na Lava Jato e Mensalão José Dirceu, consumiu cervejas uruguaias e pediu ressarcimento à Casa. Procedimento é proibido
-Publicidade-
Petista apresentou notas com gastos em bebidas. O que não é permitido | Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Petista apresentou notas com gastos em bebidas. O que não é permitido | Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Zeca Dirceu, filho do ex-ministro e condenado na Lava Jato e no Mensalão José Dirceu, consumiu cervejas uruguaias e pediu ressarcimento à Casa. O procedimento é proibido

Petista paga cerveja com dinheiro da Câmara
Petista apresentou notas com gastos em bebidas alcoólicas, o que não é permitido | Luis Macedo/Câmara dos Deputados
-Publicidade-

Notas fiscais apresentadas pelo deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro José Dirceu, revelam que o petista pagou bebida alcoólica com dinheiro da Câmara em pelo menos duas oportunidades. O gasto, não previsto nas regras da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), ocorreu em outubro e dezembro do ano passado.

Em 8 de dezembro, durante um almoço no restaurante Garcia, em Montevidéu, o parlamentar consumiu dois chopes Patagonia, um baby beef, um bife de chorizo, entre outros itens. O valor da conta foi de 162 reais. Em outro momento, também no dia 8, Dirceu jantou um rack de cordeiro acompanhado de uma Patricia 1/3, uma cerveja local. Nesse dia, Zeca Dirceu participava de uma reunião do Parlasul, o Parlamento do Mercosul.

Em 13 de outubro do ano passado, em outra viagem ao Uruguai, Dirceu consumiu no Bar Facal uma Patrícia Litro, cerveja semelhante à Skol Litrão, e um chivito uruguayo, sanduíche local feito com carne, ovo e salada. No primeiro ano de mandato, Zeca Dirceu gastou em torno de 20 mil reais com restaurantes, cafés e similares. Uma média superior a 1,5 mil reais ao mês.

 

Confira as notas fiscais apresentadas por Zeca Dirceu para pedir ressarcimento à Câmara

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site