E a vida começa, pouco a pouco, a voltar ao normal

Bruno Covas (PSDB), prefeito de São Paulo, reativa a ciclofaixa de lazer na Avenida Paulista e a vida dá sinais de volta à normalidade. Pelo país, brasileiros voltam a ir às praias e se reunir em bares e restaurantes. Confira nossa galeria de fotos
-Publicidade-
SP - SP/CICLOFAIXA/REABERTURA/PANDEMIA - GERAL - O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, durante a reativação da ciclofaixa de lazer   na Avenida Paulista, na manhã deste domingo, 19. A volta das ciclofaixas neste   domingo, 19, tem ciclistas sem máscara e pouco distanciamento entre as bikes que   circularam pelas primeiras horas do dia na capital. Apesar das normas divulgadas   pela Prefeitura, usuários dizem "esquecer" itens de segurança e não conseguir   evitar aglomeração. Apesar da falta de colaboração de alguns usuários, a volta da   ciclofaixa foi avaliada positivamente pelos ciclistas. Na Avenida Paulista, Bruno   Covas  participou da reabertura das ciclofaixas e anunciou que, até o fim deste   ano, a capital terá mais 173,5 km de ciclovias, além dos 310 km que estão sendo   requalificados na cidade.     19/07/2020 - Foto: VAN CAMPOS/THENEWS2/ESTADÃO CONTEÚDO
SP - SP/CICLOFAIXA/REABERTURA/PANDEMIA - GERAL - O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, durante a reativação da ciclofaixa de lazer na Avenida Paulista, na manhã deste domingo, 19. A volta das ciclofaixas neste domingo, 19, tem ciclistas sem máscara e pouco distanciamento entre as bikes que circularam pelas primeiras horas do dia na capital. Apesar das normas divulgadas pela Prefeitura, usuários dizem "esquecer" itens de segurança e não conseguir evitar aglomeração. Apesar da falta de colaboração de alguns usuários, a volta da ciclofaixa foi avaliada positivamente pelos ciclistas. Na Avenida Paulista, Bruno Covas participou da reabertura das ciclofaixas e anunciou que, até o fim deste ano, a capital terá mais 173,5 km de ciclovias, além dos 310 km que estão sendo requalificados na cidade. 19/07/2020 - Foto: VAN CAMPOS/THENEWS2/ESTADÃO CONTEÚDO

Bruno Covas (PSDB), prefeito de São Paulo, reativa a ciclofaixa de lazer na Avenida Paulista e a vida dá sinais de volta à normalidade. Pelo país, brasileiros voltam a ir às praias e se reunir em bares e restaurantes. Confira nossa galeria de fotos

Ciclovia da Avenida Paulista facilita a mobilidade urbana na cidade de São Paulo – Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

As ciclofaixas de lazer da capital paulista voltaram a operar neste domingo, 19. O prefeito Bruno Covas (PSDB) e a secretária municipal de Mobilidade e Transportes, Elisabete França, acompanharam, de manhã, a retomada das atividades na ciclofaixa de lazer da Avenida Paulista.

-Publicidade-

Segundo o prefeito Bruno Covas, a cidade conta com 117 km de ciclofaixas de lazer e a empresa Uber fez um investimento de cerca de R$ 12 milhões para que as ciclofaixas possam funcionar pelos próximos 12 meses. A iniciativa é uma das etapas da retomada das atividades na cidade em meio à pandemia do novo coronavírus.

“Apesar de todo esse processo de flexibilização na cidade, nós ainda estamos enfrentando pandemia do coronavírus. Peço que as pessoas se lembrem da utilização da máscara, evitem aglomerações e todas as recomendações que a gente tem feito continuam a valer também para as ciclofaixas de lazer. Elas nunca foram proibidas na cidade de São Paulo, mas não tínhamos nenhum patrocinador que queria colaborar. Agradeço à Uber por essa disposição”, disse o prefeito.

A abertura das ciclofaixas na capital paulista mostram que,pouco a pouco, a vida vai voltando à normalidade. Em Brasília e no Rio de Janeiro, bares e restaurantes voltaram a funcionar, com os devidos protocolos. Banhistas ocupam as praias de João Pessoa e do Rio de Janeiro. Confira algumas fotos abaixo na galeria selecionada por Oeste:

Garçom de bar, devidamente protegido, segura bandeja com chopp, quarta-feira, em Brasília, após o decreto do governo local que permite reabertura dos bares, em meio a pandemia – Foto: Mateus Bonomi/Agif – Agência de Fotografia/Estadão Conteúdo

 

Movimentação de pessoas consumindo em bar localizado no bairro de Jacarepaguá, zona Oeste do Rio de Janeiro, na noite de 3 de julho. Autoridades locais iniciaram a terceira de seis etapas da flexibilização do isolamento social, o que permite que bares e restaurantes retornem as atividades com restrições de segurança para não propagar o coronavírus – Foto: Emerson Magalhães/AM Press & Images/Estadão Conteúdo

 

Movimentação intensa de banhistas na Praia do Leme, zona sul do Rio de Janeiro, no sábado, 18. Apesar da cidade ter entrado na quarta fase da flexibilização em meio à pandemia de covid-19, as praias estão liberadas apenas para prática de exercícios individuais, no intuito de evitar aglomerações. Nos dias de semana também estão liberados os esportes coletivos, como futebol, futevôlei e vôlei de praia. O estacionamento de veículos da orla também foram liberados para uso – Foto: Ellan Lustosa/Código 19/Estadão Conteúdo

 

Movimento de banhistas em praia da cidade de João Pessoa, na Paraíba, neste domingo, 19. Pouco a pouco, os brasileiros retomam hábitos cotidianos – Foto: Josemar Gonçalves/Tripé Imagem/Estadão Conteúdo

 

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), durante a reativação da ciclofaixa de lazer na Avenida Paulista, na manhã deste domingo, 19. A volta das ciclofaixas teve ciclistas sem máscara e pouco distanciamento entre as bikes que circularam pelas primeiras horas do dia na capital. Apesar das normas divulgadas pela Prefeitura, usuários dizem “esquecer” itens de segurança e não conseguir evitar aglomeração. Apesar da falta de colaboração de alguns usuários, a volta da ciclofaixa foi avaliada positivamente pelos ciclistas. Covas participou da reabertura das ciclofaixas e anunciou que, até o fim deste ano, a capital terá mais 173,5 km de ciclovias, além dos 310 km que estão sendo requalificados na cidade. 19/07/2020 – Foto: Van Campos/The News 2/Estadão Conteúdo
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.