Beneficiado por decisão do STF, Tiririca retoma paródia de Roberto Carlos

Caracterizado como o cantor, deputado usa a música O Portão em seu espaço no horário eleitoral gratuito de São Paulo
-Publicidade-
Tiririca volta a fazer paródia de Roberto Carlos no horário eleitoral após decisão favorável do STF
Tiririca volta a fazer paródia de Roberto Carlos no horário eleitoral após decisão favorável do STF | Foto: Reprodução

Depois de uma batalha jurídica que terminou no Supremo Tribunal Federal (STF), Tiririca (PL) voltou a fazer uma paródia inspirada no cantor Roberto Carlos, em seu espaço na propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão.

Candidato à Câmara dos Deputados em São Paulo, Tiririca usou nesta terça-feira, 30, um trecho da música O Portão na propaganda eleitoral, além de se caracterizar como Roberto Carlos. O deputado federal do Partido Liberal já havia tido problemas em outras eleições em razão de suposta infração a direitos autorais.

Eu votei, de novo eu vou votar. Tiririca, Brasília é seu lugar“, diz um trecho da paródia, trocando a letra do clássico de Roberto Carlos.

-Publicidade-

Em 2014, a gravadora EMI acionou a Justiça contra Tiririca em razão do uso de O Portão no horário eleitoral gratuito. A empresa responsável pela carreira de Roberto Carlos obteve decisão favorável do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) somente em 2017, com o humorista condenado a pagar indenização por violar os direitos autorais da obra.

No entanto, a defesa do deputado federal recorreu ao STJ e conseguiu reverter a decisão em 2019. Na última semana, acionado pela EMI, o Supremo concluiu que candidatos a cargos políticos podem fazer paródias, sem haver necessidade de pedir autorização previamente ao detentor dos direitos autorais.

Novo número de campanha

Tiririca foi envolvido em uma polêmica nos meses prévios à campanha, em razão da perda de seu tradicional número de campanha, cedido pelo PL a Eduardo Bolsonaro neste ano. O filho do presidente se filiou ao partido no fim de 2021. Em entrevistas, o humorista expôs o incômodo com a situação e chegou a ameaçar não disputar a eleição.

Em 2010, o humorista se elegeu com a escolha de 1.353.820 eleitores. No último pleito, no entanto, foram pouco mais de 450 mil votos.

Em 12 anos como parlamentar, Tiririca teve um projeto de lei aprovado, em proposta que altera a Lei Rouanet para adicionar atividades circenses como manifestações culturais. Apesar de passar pela Câmara, a iniciativa está tramitando no Senado desde 2017.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

16 comentários Ver comentários

  1. Senhores, a pergunta que não quer calar. Como tem gente que ainda vota em um ser desses? Precisamos de pessoas sérias para trabalhar no Congresso Nacional. Com gente desse tipo, nada mudará.

  2. Lugar de palhaço é no circo
    Para que votar num cara como este?
    Que propostas tem para melhorar a vida dos cidadãos?
    Em busca de mais 4 anos de salários gordos e fáceis, além de mordomias .

    1. É também vergonhoso sua candidatura: Um puxador de votos muito bem pago, para eleger desconhecidos ilegítimos convenientes à interesses nocivos à sociedade que ainda financia todo o esquema de ladrões para ladrões. Acorda Brasil !

  3. Misericórdia…. Se o elegerem novamente, depois ficam reclamando do governo federal. Assumam suas responsabilidades e usar a música de alguém que compôs para usar politicamente é mais uma aberração deste país.

  4. Atenção aí os 450 mil eleitores que votaram no PALHAÇO Tiririca em 2018! “eleição é coisa séria!”Se votarem novamente nesse indivíduo é porque são asnos iguais a ele e devem pastar no mesmo coxo!!

  5. Com raras exceções, câmara dos deputados federais é um verdadeiro cabide de emprego, Tiririca, Erundina e querendo um carguinho o senador Serra.

  6. Quando será que o brasileiro vai aprender a votar?
    Quem votou nesse cara, me desculpe, mas jogou o voto no lixo.
    Em 12 anos o cara não conseguiu aprovar uma única proposta! Está lá somente para mamar nas tetas do governo, recebendo uma grana alta, do NOSSO dinheiro.
    Quem votou ou pensa em votar nele faça um favor a si mesmo e ao Brasil: não jogue de novo o seu voto no lixo.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.