Ciro Gomes já gastou quase R$ 1 milhão com voos

Os dados dos custos do pedetista foram disponibilizados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE)
-Publicidade-
O ex-ministro Ciro Gomes participa de um ciclo de debates na Associação Comercial São Paulo - 18/08/2022 | Foto: Suamy Beydoun/Estadão Conteúdo
O ex-ministro Ciro Gomes participa de um ciclo de debates na Associação Comercial São Paulo - 18/08/2022 | Foto: Suamy Beydoun/Estadão Conteúdo

O candidato do PDT à Presidência da República Ciro Gomes já gastou quase R$ 1 milhão com voos fretados desde o começo da campanha eleitoral, no mês passado. Os dados dos custos do pedetista foram disponibilizados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

De acordo com a Corte Eleitoral, a empresa Solar Taxi Aéreo Ltda foi a responsável pelas viagens do presidenciável em três ocasiões. Pelos transportes, Ciro desembolsou R$ 702.066. As viagens foram realizadas nos dias 19, 23 e 29 de agosto. Os locais de destino não constam na prestação de contas.

A despesa com transporte aéreo é a terceira maior das contas de campanha do candidato, representando 6,2% dos R$ 11.364.322,61 já desembolsados na campanha eleitoral. O principal gasto até o momento é com a produção de programas de rádio e televisão para o programa eleitoral. Já foram mais de R$ 6 milhões desembolsados.

-Publicidade-

Com o serviço de impulsionamento de propagandas por meio do Facebook, Ciro já gastou mais de R$ 300 mil desde o começo de agosto.

A campanha de Ciro Gomes já recebeu mais de R$ 16 milhões de repasses por meio do Fundo Partidário. Ciro Gomes teve, até o momento, apenas um doador registrado como pessoa física. O valor da doação foi de R$ 1 mil.

Ciro no Oeste Entrevista

Ex-governador do Ceará e pela quarta vez na disputa pelo Palácio do Planalto, Ciro Gomes (PDT) abriu neste sábado 3, a série de reportagens Oeste Entrevista, com os candidatos à Presidência da República. A Oeste Entrevista será publicada nos dias 3, 10 e 17 de setembro, na seguinte ordem: Ciro Gomes (PDT), Jair Bolsonaro (PL) e Simone Tebet (MDB). Todos os postulantes ao cargo responderam às mesmas perguntas encaminhadas pela equipe de Oeste Entrevista.

O candidato do PT à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva, recebeu o pedido para participar da Oeste Entrevista e as perguntas foram encaminhadas à sua assessoria. A equipe do petista, contudo, recusou a participação no Oeste Entrevista.

As candidaturas de Soraya Thronicke (União) e de Luiz Felipe D’Ávila (Novo) serão abordadas em reportagens da Oeste, a serem publicadas nos dias 11 e 18 de setembro, respectivamente. A Oeste Entrevista integra o projeto eleitoral do Eleições 2022, que conta ainda com a série de reportagens do projeto Desafios do Brasil.

 

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. NÓS, brasileiros idiotas e descuidados deixamos que um fdp sujo e asqueroso como este inútil da matéria tomasse nosso dinheiro e usasse em benefício próprio contra nós mesmos. Entendeu o tamanho da nossa omissão???

  2. Esse aí é mais um pilantra que faz da política seu meio de subsistência, tudo bancado pelo povo, é claro. O Brasil só vai melhorar quando conseguir se livrar desses ratos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.