Presidente Bolsonaro vota no Rio de Janeiro: ‘Decide hoje as eleições’

Candidato do Partido Liberal compareceu à zona eleitoral vestindo camisa amarela e demonstrou confiança depois de votar
-Publicidade-
Jair Bolsonaro posa para fotos depois de votar no Rio de Janeiro
Jair Bolsonaro posa para fotos depois de votar no Rio de Janeiro | Foto: Reprodução/TV Globo

O presidente Jair Bolsonaro (PL) votou na manhã deste domingo, 2, no Rio de Janeiro. O candidato à reeleição compareceu à zona de votação, na Escola Municipal Rosa da Fonseca, logo na primeira hora de trabalhos, por volta de 9 horas.

Acompanhe em Oeste, a partir das 17h30 de domingo, a apuração de votos em todo o Brasil.

Para votar no Rio, Bolsonaro usou uma camiseta amarela, com uma bandeira do Brasil. Na saída, concedeu depoimento breve a jornalistas.

-Publicidade-

“Em primeiro turno decide. Decide hoje as eleições”, afirmou o presidente a jornalistas, logo depois de votar na capital fluminense. “O que vale é o DataPovo“, acrescentou, em menção ao prognóstico de pesquisas de intenção de voto e o apoio popular que recebeu durante a campanha.

Antes de votar, o presidente parou para tomar um café em uma base já dentro da Vila Militar, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, onde fica a sua zona eleitoral. Do lado de fora do local de votação, um grupo com cerca de 20 apoiadores estava reunido, com bandeiras do Brasil e camisas amarelas, aguardando o chefe do Executivo.

A agenda do presidente não foi divulgada, mas a expectativa é que Bolsonaro voe para Brasília e acompanhe da capital a apuração dos votos neste domingo.

Eleito no segundo turno em 2018, com vitória sobre Fernando Haddad (PT), Bolsonaro tenta a reeleição depois de um mandato marcado por desafios diversos, da economia ao combate à pandemia do covid-19.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. O escolhido

    Poucas pessoas perceberam o porquê de Jair MESSIAS Bolsonaro, esse ser rude e implacável, ter sido escolhido para comandar a nossa nação ao seu destino cristão e acolhedor de todos os povos da Terra.

    No primeiro governo petista, se pagava uma enorme quantia mensal para os deputados e senadores da República aprovarem os mais absurdos projetos, os quais beneficiaram sempre a mesma quadrilha de esquerda, e assim o foro de São Paulo, a mando do comunismo chinês começava seu projeto de dominação da frivola e mal administrada América latina.

    Deus, vendo que seu povo predileto poderia cair nas mãos de um regime de esquerda ditatorial, enviou seu filho para a Terra, dessa vez z em espírito, para que escolhesse um homem ou mulher que pudesse fazer brilhar com liberdade sua joia rara no planeta, o Brasil.

    Algum tempo depois, Jesus volta para o paraíso e trás a notícia que um homem, e somente um, havia se mantido integro e honesto durante a farra petista, conhecida como Mensalão.

    Deus então pediu ao seu filho as credenciais e o histórico daquele homem, e não se espantou quando reparou que ele era um ex-militar treinado, patriota, um homem de família, cristão e dotado da sinceridade e energia necessária que teriam de ser utilizadas para combater o mau que se espalhava por todas as organizações públicas e privadas brasileiras, destruindo a identidade tolerante do brasileiro, que agora estava aceitando ser dividido por cor, credo e opinião.

    Assim ele foi o escolhido para endireitar um Brasil que, sabidamente, iria ressurgir das cinzas da desunião plantada habilmente nós corações desatentos e nas mentes fracas.

    Deus sabia que a luta contra as trevas seria espinhosa, que os falsos amigos iriam trai-lo, e que até tentariam tirar a sua vida, além de ser desdenhado por muita gente, e por isso o escolhido foi alguém de temperamento forte

    Hoje é o dia em que não só iremos escolher quem nos levará a gloriosa missão divina de mostrar ao mundo que, embora diferentes em tudo, podemos viver em harmonia, mas também iremos escolher de que lado iremos estar, a direita ou a esquerda de Cristo, afinal, nós, a maioria, também estamos sendo escolhidos para fazer uma escolha entre o Jesus ou Barrabás.

  2. Mais interessante é que hoje a Jovem Pan nwssa cobertura de eleições deu palanque para o Lula e esqueceu Bolsonaro. Os tontos Alexandre Garcia, Augusto Nunes, Rodrigo Constantino etc. engolem ainda essa emissora. Ganham uma miséria, dão lucro para o esclerosado Tutinha só para ter 5 minutos de fama. Façam esses 5 minutos de fama diariamente na Oeste.

  3. Tem que jogar essas urnas eletrônicas no lixo, eleição igual a da França. Estamos sendo lesados por tudo que é de fundamental e dentro da constituição, escrutínio público

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.