Em visita a refugiados venezuelanos, Bolsonaro afirma que ‘ex-presidiário petista’ apoiou Maduro

'Eles vêm para cá atrás de comida', disse o presidente brasileiro em visita à Operação Acolhida, em Roraima
-Publicidade-
O presidente Jair Bolsonaro visitou centros de acolhimento para refugiados venezuelanos
O presidente Jair Bolsonaro visitou centros de acolhimento para refugiados venezuelanos | Foto: Reprodução/Facebook

O presidente Jair Bolsonaro visitou nesta terça-feira, 26, a Operação Acolhida, que atende refugiados venezuelanos em Roraima, e fez críticas aos governos do PT, que apoiaram as ditaduras de Hugo Chávez e Nicolás Maduro. Sem citar o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Bolsonaro afirmou que “escolhas erradas” levaram a uma situação difícil para a população venezuelana.

A visita de Bolsonaro aos refugiados foi transmitida ao vivo por meio das redes sociais. “O que a gente quer mostrar é que não queremos isso para o nosso país. Para o bem maior nosso, precisamos ver nossa liberdade. As escolhas erradas levam a isso”, disse o presidente da República.

“É aquele pessoal do Foro de São Paulo, sempre enganando o povo, induzindo as pessoas a ir para a esquerda, se associar ao socialismo. O presidente brasileiro do passado ia à Venezuela fazer campanha com Chávez, Maduro…”, prosseguiu Bolsonaro. O texto de descrição do vídeo publicado nas contas oficiais do presidente dizia: “Averiguação da Operação Acolhida, situação do Estado com os impactos dos refugiados e medidas tomadas para acolhimento de nossos irmãos venezuelanos que fogem da ditadura socialista de Nicolás Maduro, apoiada pelo ex-presidiário petista”.

-Publicidade-

Apesar das críticas direcionadas àquele que deve ser seu principal adversário nas eleições de 2022, Bolsonaro negou que estivesse adotando um tom eleitoral. “Não estou fazendo campanha, estou mostrando a realidade. O ideal é a Venezuela voltar à normalidade, mas sabemos que só um milagre para isso acontecer. Eles vêm para cá atrás de comida”, afirmou.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários Ver comentários

  1. Cadê nossa velha imprensa para dizer o contrário, as celebridades globais, os especialistas, os economistas oportunistas, os ditos humanistas, o clero esquerdista. Pelo jeito que as coisas estão Fórum de São Paulo jamais existiu é ficção da direita.

  2. “…nossos irmãos venezuelanos que fogem da ditadura socialista de Nicolás Maduro, apoiada pelo ex-presidiário petista”. E em seguida diz:
    “Não estou fazendo campanha, estou mostrando a realidade. O ideal é a Venezuela voltar à normalidade, mas sabemos que só um milagre para isso acontecer. Eles vêm para cá atrás de comida”
    Foi lá naquele lugar onde o Judas perdeu as botas só para ver esfomeados venezuelanos, mete o pau no Maduro, fala mal do ex-presidiário Nove Dedos e depois fala que não está fazendo campanha? Conta outra, Bolsonaro! Prá cima de “moi”?

  3. Quem apoiou o governo da Venezuela, e todos nós sabemos muito bem que foi, na pior das hipóteses, deveria se retratar e pedir desculpas ao povo venezuelano que está sofrendo e passando FOME.

  4. Um povo que eu conheci tão rico e bem alimentado em 1990 ,sentado em cima de um mar de petróleo ! Hoje passando fome e na pior pobreza por votar errado ! Belo exemplo para os brasileiros !

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.