Ernesto Araújo repudia invasão do Capitólio dos Estados Unidos

Ministro das Relações Exteriores se manifestou nesta quinta-feira, 7, no Twitter
-Publicidade-
O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, não aprovou a invasão do Congresso americano
O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, não aprovou a invasão do Congresso americano | Foto: Divulgação/Ministério das Relações Exteriores

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, repudiou nesta quinta-feira, 7, a invasão do Capitólio, sede do Legislativo dos Estados Unidos, realizada na quarta-feira 6 por manifestantes.

Ao mesmo tempo, Araújo disse que questionamentos de processos eleitorais são legítimos e que não se pode chamar de “fascistas” os cidadãos de bem que se manifestam contra o sistema político.

O ministro encerra seu texto defendendo que “os fatos de ontem em Washington não sirvam de pretexto, nos EUA ou em qualquer país, para colocar qualquer instituição acima do escrutínio popular”.

Leia também: “Dia caótico nos EUA: invasão histórica do Congresso eleva tensão política”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.