Facebook limitará campanha política nos EUA na semana antes da eleição

Rede social também marcará publicações que tentarem deslegitimar processo eleitoral americano ou que derem resultado antes do oficial.
-Publicidade-
Mark Zuckerberg tenta evitar a desinformação eleitoral no Facebook | Foto: Anthony Quintano/Wikimedia Commons
Mark Zuckerberg tenta evitar a desinformação eleitoral no Facebook | Foto: Anthony Quintano/Wikimedia Commons | facebook, estados unidos, eleições americanas 2020, campanha eleitoral

Rede social também marcará publicações que tentarem deslegitimar processo eleitoral americano ou que derem resultado antes do oficial

facebook, estados unidos, eleições americanas 2020, campanha eleitoral
Mark Zuckerberg tenta evitar a desinformação eleitoral no Facebook | Foto: Anthony Quintano/Wikimedia Commons

O Facebook vai limitar os anúncios de campanhas políticas nos Estados Unidos na semana anterior às eleições presidenciais de 3 de novembro.

-Publicidade-

A informação partiu do CEO da rede social, Mark Zuckerberg, depois de a plataforma ser alvo de críticas por alimentar a desinformação no país.

A medida, entretanto, só será aplicada a novas campanhas. Anúncios aprovados com antecedência poderão rodar normalmente.

Qualquer post que tenta deslegitimar o sistema eleitoral americano — questionando, por exemplo, o voto pelo correio — ou com resultados que não sejam oficiais será marcado pelo Facebook, que redirecionará quem clica para um site oficial sobre eleições.

A equipe de Zuckerberg também fez mudanças no Messenger, aplicativo de mensagens do Facebook. Como já acontece no WhatsApp, também não será mais permitido enviar a mesma mensagem para mais de cinco pessoas por vez.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.