Fachin critica o voto impresso e diz: ‘O Brasil não consente com aventuras autoritárias’

Presidente do TSE participou de uma palestra
-Publicidade-
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luiz Edson Fachin, durante uma coletiva de imprensa em Curitiba - 29/04/2022 | Foto: Eduardo Matysiak/Estadão Conteúdo
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luiz Edson Fachin, durante uma coletiva de imprensa em Curitiba - 29/04/2022 | Foto: Eduardo Matysiak/Estadão Conteúdo

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luiz Edson Fachin, afirmou nesta terça-feira, 17, que o “Brasil não consente mais com aventuras autoritárias”. Fachin tem participado de vários eventos para falar sobre urnas.

“Com atenção, o mundo observa o processo eleitoral brasileiro de 2022”, disse Fachin. “Somos uma vitrine para os analistas internacionais e cabe aos brasileiros garantirem aos nossos vizinhos uma mensagem de paz e segurança.”

Fachin participou da palestra “Democracia e eleições na América Latina: os desafios das autoridades eleitorais”, feita pelo professor Daniel Zovatto, diretor do Instituto Internacional para Democracia e Assistência Eleitoral.

-Publicidade-

Voto impresso

Durante a palestra, Fachin mirou a artilharia na direção do voto auditável. Segundo o presidente do TSE, é preciso “refletir sobre as recentes conturbações ocasionadas pela contagem manual de votos impressos”.

“As discórdias quanto aos resultados das eleições presidenciais do primeiro turno no Equador, em fevereiro do ano passado, e do segundo turno no Peru, alguns meses depois, sem falar nos Estados Unidos, evidenciam os transtornos a que podem conduzir a apuração de cédulas de papel”, observou Fachin.

O presidente do TSE fez interpelações sobre o voto impresso: “A quem interessa reprisar essa realidade no nosso país, cuja experiência de 25 anos com a urna eletrônica permitiu a superação dessas inquietudes”.

Leia também: “É proibido modernizar a urna eletrônica?”, reportagem publicada na Edição 69 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

74 comentários Ver comentários

  1. O mais surpreendente de toda esta celeuma é que a esquerda, em sua totalidade, o que inclui o próprio Fachin, não tem nenhuma dúvida sobre a lisura da contagem eletrônica e secreta dos votos.
    É algo estranho, surpreendente e altamente suspeito.

  2. É verdade que a contagem e recontagem dos votos impressos podem levar meses de discórdia e tensões, mas o sistema fechado e secreto de apuração, que não é usado em país algum do mundo, gera uma desconfiança ainda maior, o que enfraquece a confiança do povo na eleição como verdadeiro espelho da vontade popular.

  3. fachin, barroso & cia. pouco bela, a urna coroca não dá elementos para rastrear o caminho do voto, desde o dedo do eleitor até o arquivo. Nesse trajeto, o 2 pode virar 1 e o outro dois pode vira 3. No final do dia, depois do comando para emitir o tal boletim de urna e gerar o tal pendrive, o próprio programa pode eliminar essa rotina e apagar os indícios. Aí quem reclamar vai preso ou é cassado, como já tiveram a cara de pau de fazer. Simples assim.

  4. Aventuras autoritárias é o que esses pseudo ministros do STF pretendem. Fraude eleitoral é o que nós não admitimos. Eles perderam totalmente o juízo e a noção das coisas. Como dizia a minha mãe, eles não se enxergam!

  5. Esse iluministros não deveriam nem se expor, quer seja em palestras, entrevistas, ou qqr apresentação que o valha, realmente o Brasil virou terra de ninguém, se o povo não acordar, estaremos fadados a uma Venezuela, Cuba ou coisa pior, pois, nossa terra é rica, por essas e outras tem um bando de urubus querendo tomar conta…….

  6. O que esse homem faz em um tribunal. Se não aceita discutir idéias o que está fazendo lá? Talvez por isso estão decidindo de forma monocrática! É muita prepotência!

    1. Correto, na tentativa de desmoralizar quem quer o voto impresso, o STF e TSE dão um tiro no pé. Porque eles relutam tanto em voto impresso? Afinal, esses urubus de toga não nos representam e devem acreditar que estão acima da Constituição, pois, cospem e c….nela todos os dias.

  7. Pulha l, cretino e energúmeno! Mente que nem sente, e senta ! Como é um falso, mentiroso , filho de satanás! mentalidade ditatorial, deformada, amoral, suja, sebosa! Maldito seja! Que o senhor o repreenda e o julgue!

  8. O ministro Fachin deveria se preocupar mais com sua língua do que a aparência do seu bigodinho, se é de fato sua preocupação com o nosso Brasil.

    1. Para quem deu o salvo conduto ao ex-presidiário e condenado, fica claro o lado negro de sua escolha. Aliás uma coisa faz que acreditamos na justiça divina, é a constância dos erros cometidos pelos apoiadores do ex-condenado: tudo tende a dar errado em sua decisões.

  9. Esse rábula subversivo já deveria ter se declarado suspeito para presidir esse TSE fraldável, e inconfiável. O Fachin libertou e e anulou as condenações do Luis Inácio da Silva, vulgo Lula.

    1. Ele, da sua posição majestática, nunca irá declarar-se suspeito. O senado, que serve somente para discutir sabor de hamburgueres, também não irá declará-lo suspeito pois é composto por suspeitos.

  10. Concordo com o Fachin! Voto impresso jamais, especialmente se contado por ele ou amigos supremos. O voto deve ser eletrônico com impressão auxiliar em papel. A contagem deve ser primordialmente eletrônica, mas com checagem aleatória e substancial de várias urnas para ver se o eletrônico bate com o impresso. Mas isso deve ser feito por grupo independente com representantes de todos os partidos. Assim todos os lados do espectro político participariam do processo. Infelizmente a atual composição do STF/TSE manifesta ter lado nessa história, o q leva a enorme desconfiança de muitos eleitores.

  11. Vejam a cara de pau deste sujeito! Está inchado de orgulho! Cheio de afetação! Pleno de um poder tão tão ??? Tadinho não pode chegar perto de agulha ou alfinete, pode explodir…..

  12. Quem é autoritário aqui?
    Eles se acham deuses que decidem o que é bom ou não.
    Até quando vamos ter que aguentar esses vagabundos fazendo isso com a gente.

  13. A postura do Fachin e de outros membros do STF nos dá a seguinte convicção: Os ministros se desviaram de suas funções e estão mancomunados com o objetivo de atropelar a democracia e impedir que a sociedade brasileira decida soberanamente seu dirigente nas próximas eleições.

  14. os mentecaptos senhores da razão…O Brasil é composto por inúmeras pessoas muito mais inteligentes do que os iluminados do caos !

  15. Presidir a Administração Eleitoral exige qualificação técnica, experiência profissional e absoluta isenção política. O novo Congresso eleito em 2022 deve corrigir a grave disfunção institucional que confunde um tribunal de justiça com a operação de eleições. Deve-se criar uma organização de Estado totalmente independente do TSE, para a Administração Eleitoral.

    É fundamental eliminar o poder de manipular os resultados das eleições, sem deixar qualquer rastro, nas mãos de um grupo restrito de servidores e colaboradores do TSE, que não sofrem qualquer controle externo.

    https://revistaoeste.com/politica/desenvolvedor-da-urna-eletronica-critica-novo-modelo-do-equipamento/

    1. Sr. Carlos, como engenheiro desenvolvedor das urnas eletrônicas em 95/96, não entendo porque o TSE não aceita suas sugestões para auditorias externas que seriam acessíveis com o VOTO IMPRESSO, ou outro meio e tecnologia atualizada com o afastamento da atual equipe de TIs do tribunal. Como o VOTO IMPRESSO lamentavelmente foi derrubado pelo TSE que interferiu no Congresso, mesmo leigo no assunto, pergunto se não poderia ser criada uma urna adicional no sistema que gravasse o voto confirmado pelo eleitor como faria no operacional com o voto impresso?.
      Logicamente que essa urna lacrada seria utilizada somente pelo Ministério da Defesa e Auditores TIs independentes, para AUDITAR amostras de urnas sorteadas e se necessário APURAR a totalidade dos votos para VALIDAR ou prevalecer sobre a apuração do TSE.

      1. Aguardando eu humildemente resposta à sua pergunta.

      2. O eleitor precisa ter a certeza de que a dezena, que ele digitou, foi a gravada no arquivo da urna. Nesse caminho, a dezena pode ser mudada. Tem que haver um meio físico, como o papel, que mostre ao eleitor a dezena que ele digitou, e que servirá de comprovante para eventual conferência para o caso de suspeita de que o que foi para o arquivo foi diferente.

  16. Logo o Ministro do STF que não respeita a Constituição, falando de aventuras autoritárias? Infelizmente, ele não tem credibilidade nenhuma.

  17. Fachin, se tem um lado que afronta a democracia, que cria insegurança jurídica, que faz e fala aberrações, é o seu lado, um lado que fabricou sob encomenda do PT um Direito que só existe na sua submissão ao ajuntamento de bandidos abrigados na sigla que você tão bem conhece, um Direito seletivo em favor de reconhecido ladrões com os quais você tem o felpudo rabo preso. Você tem dois destacados sócios nessa mancha na História do Brasil, os igualmente vassalos do PT Roberto Barroso e Alexandre de Moraes. Imagino, Fachin, que você não deva ter aprendido na Faculdade que um Juiz melindrado possa criar um Inquérito de Ofício, ser o investigado, o acusador e sentenciador dessa aberração, que só encontra paralelo em ditaduras pelas quais, você, Fachin, nutre mórbida admiração. Seu outro sócio, o Barroso, especialista em Fake News, nem tão News assim, dado o histórico mequetrefe especialmente na INVASÃO, sim, Fachin, INVASÃO do sistema eleitoral por um hacker, que ficou meses hospedado no cerne do sistema que você quer enganar os néscios, dizendo que é seguro. Seguro a ponto de não identificar a hospedagem de um hacker por seis meses no sistema de TOTALIZAÇÃO dos votos, Fachin? E pra piorar, Fachin, e você sabe disso, uma empresa terceirizada contratada pelo TSE para limpar os rastros do invasor APAGOU, sim, Fachin, APAGOU de caso pensado os passos do hacker, para vender a falsa ideia de segurança no seu sistema de meia pataca. Fachin, sei que você não está senil e é apenas mais um petista com o rabo preso com Lula, e sei que você conhece bem os caso Toninho do PT e Celso Daniel para ficar de cócoras, mas me acompanhe um tiquinho. Então, desenham-se dois algoritmos, um para a URNA, outro para o sistema de TOTALIZAÇÃO. Encerrada a votação, retira-se de cada URNA um dispositivo tipo PEN DRIVE que contém os votos registrados, já direcionados para sintonia com a TOTALIZAÇÃO na tal sala-cofre. Transmitidos os dados do PEN DRIVE, o outro algoritmo direciona os votos para alguém previamente selecionado, no seu caso, o ladrão Lula. Considerando que serão usadas ao menos 600 mil urnas na eleição, 20 votos manobrados em cada uma dá o assombroso número de 12 MILHÕES de votos, Fachin. Você e seus sócios das Casas de Tolerâncias que atendem pelos vulgos de STF e TSE convidaram as Forças Armadas pensado que iriam ludibriá-las, mas o tiro lhes saiu pelas culatras. Lembra que Zé Dirceu falou textualmente que o PT irá ” tomar o poder, que é diferente de ganhar a eleição “? Pois é, Fachin. Sugiro, ouça com seus sócios, se têm algum tutano para tanto, o que duvido, o hacker preso em Uberlândia, #VandaTheGod, que tem também o roteiro de como entrar, mudar e sair do seu sistema supostamente seguro. Aproveite, e leve o Deputado Felipe Barros, que já entrevistou o hacker e tem tudo gravado. Você, Fachin, querer agora dar a si mesmo a aura de santo, não cola. Por ter o rabo preso com o PT, e repito, lembre do Celso Daniel, numa cambalhota jurídica botou seu patrão Lula na rua, hoje uma rua que nem mesmo o Lula, seu patrão, tem hombridade para andar. Você, Fachin, Barroso e Alexandre de Moraes serão cobrados por quaisquer, repito, quaisquer desvios do trâmite de apuração da eleição, porquê os fatos GRITAM contrariamente ao que você e seu patrão Lula querem. Não debruçando sobre as falhas identificadas no seu sistema afim de saná-las, você e seus sócios Alexandre e Barroso estão assumindo e antecipando uma farsa, mas não terão força para empurrá-la goela abaixo dos brasileiros. Uma ema do Cerrado me confidenciou, que para dar um ar de moralidade, você, Fachin e seus sócios ” deixarão ” Bolsonaro ganhar a eleição, para transmitirem a falsa ideia da segurança e higidez do sistema, como Barroso costuma falar. Tipo birra de criança, um ” viu que eu estava certo ” ?Os brasileiros não são bestas amestradas, Fachin. A tal ema me falou também que Senado, Câmara, TSE, STF, PT e Partidos de esquerda têm pesquisas com o retrato fidedigno do quadro eleitoral e isso lhes aterroriza. Ganhar na marra, Fachin, nem pensar, viu?

    1. Perfeito Lourival, ótima análise.
      Querem levar no tapetão, na fraude descarada.
      E coloca a maior fakenews dizendo que querem “voltar ao voto de papel”, ninguém falou nisso, queremos voto auditável com transparência.
      Ele numa manobra sórdida tornou um criminoso elegível e vai fraudar tudo para colocá-lo no poder.

  18. O Dr. Fachin tem razão! Assistindo a manifestação de repúdio ao STF, que continua insistindo no papel de xerife autoritário, não se pode concordar mesmo com o autoritarismo! O recado está dado.

  19. Fachin: “Brasil não consente mais com aventuras autoritárias”. Tony Preocupado: “Esta posição do Nanostro Fachin não é autoritária?”. Sabe, quanto mais vocês defendem essa urna mais desconfianças gera. Por que essa relutância? Por que afirmar peremptoriamente que a urna é segura se o projeto dela é de 27 anos atrás? A eletrônica avançou mais nesses 27 anos do que nos 50 anos anteriores, cuja tecnologia gerou essas urnas. Entreguem uma urna a cada faculdade de engenharia eletrônica do Brasil e deixem eles dizerem se é ou não segura. Serem independentes da internet não quer dizer seguras. Elas são ligadas à rede elétrica, pois não? Então, elas estão sujeitas a serem “lidas” através da rede elétrica. E olhem que eu sou um engenheiro eletrônico formado em 1968 e disponho desse conhecimento. Portanto, basta dessa infantilidade e abram a chance de estarem errados, senhores defensores do indefensável. Não são vcs os favoráveis ao diálogo?????

  20. Esse canalha e os demais canalhas do stf e cia devem achar que o povo é imbecil, como falou o cabeça de ovo. Eles acham que estão lidando com crianças de primeira série. Só pode. Porque todo dia estão vomitando alguma asneira.

  21. Imaginem aturar essas idiotices que esses caras vão falar até outubro. N vai ser facil não. Uma coisa é certa, se o LADRÃO por um acaso for eleito NÃO SERÁ EMPOSSADO.

  22. Como comparar a contagem de votos nos EEUU, grande parte deles vindos pelo correio, com a contagem de votos impressos na urna no momento da votção?.Não é aceito pela “ciência”…

  23. O voto impresso poderia ser colocado em máquinas tipo aquelas que conta dinheiro e o resultado seria rápido. Não teria desculpas. O ser contra voto impresso é para poder adulterar o resultado. FFAA TEM que participar de todo jeito da supervisão das máquinas que fazem a contagem dos votos dentro do STE.

    1. Adicione-se ao seu comentário, Edy, o fato do Fachin ter dito que “os civis votarão em paz e com sua consciência” ele está excluindo os militares?

  24. Aventuras autoritárias nós é que não suportamos mais, você liberou o maior corrupto do mundo pra pagar a conta por ter te enfiado no STF. Tenha vergonha na cara seu defensor de invasores de terra!!!!

  25. Cá em Portugal sentimos vergonha de ter juízes desse nível tão baixo de descaramento, que emporcalha a imagem do Brasil. E ainda diz que o Brasil é a vitrina para os analistas internacionais, que por educação apenas riem disso, quando devem sentir vontade de nos ridicularizar.
    E quando quer demonstrar ser superior, apenas mostra ignorância ou má fé, ao dizer que queremos votos impressos, como se votos manuais fossem. Canalhas!

  26. Facchin não diz a verdade. Não se votaria com cédulas de papel, mas a auditagem poderia ser realizada com as cédulas de papel depositadas imediatamente durante o acionamento dos botões de votação que deixariam um recibo do voto em urnas blindadas, passíveis de recontagem.

  27. Foi este velhinho milita que soltou o Lula e criou todo este desconforto,ele precisa entender que ele tem que seguir a constituição!!!! que prevê o voto materializado e contagem publica,eles dão uma de louco estes caras, o voto é digital e o comprovante é impresso em papel , ou seja o fulano vota, olha o comprovante da o ok e vai embora ninguém poe a mão, agora ele falar uma M desta que não cabe, como assim juvenal apenas Brasil, Bangladesh e Butão tem o voto 100% eletrônico que coisa, vejam ai a França pais de primeiro mundo acabou de fazer suas eleições, vejam se la foi 100% digital vão T.N.C bando de safados, por que o PR não confronta e argumenta desta forma, não vejo fazer com estes argumentos também, enquadrem chame o Fux,o Fala Mansa, o Arthur Lira e os 3 generais das forças armadas e definam esta palhaçada.

  28. Aventura autoritária e burrice é deixar as raposas cuidando do galinheiro. Sem ética nenhuma, os iluminados nomeados pelo pt, gratos ao pt, querem se achar aptos a “cuidar” do processo da eleição, sem nenhuma vergonha nem hombridade de se declararem impedidos. Acham que somos idiotas como os petistas. Isso não vai acontecer, nem com publicaçao de cartas de apoio de entidades fajutas, nem do MST, nem da imprensa nem do Fernandinho Beira mar.

  29. Se o presidente do TSE é contra voto impresso e o Bolsonaro também é contra o voto impresso, não sei porque essa celeuma toda. O que o presidente do TSE não quer de jeito nenhum é a auditoria impressa, mas isso ele não assume. Ninguém está atacando a democracia ou as eleições, mas parece que é proibido aperfeiçoar as urnas, sob pena de cometimento de crime indefensável.

  30. Sabe qual o problema fachin, é que você não tem credibilidade. Você libertou o maior bandido corrupto deste país, então, não tem jeito, você fala, fala, mas não sei porque eu não acredito. Ah, e seu amigo Barroso disse que as eleições na França e Portugal foram um banho de democracia, só lembrando, lá o voto é no papel, e contagem aberta.

  31. O ministro poderia nos informar porque a lei que define que atos ADMINISTRATIVOS têm que ser públicos não valem para a contagem transparente dos votos? Afinal a Lei vale para todos ou há exceções de ocasião?

  32. ô seu cavalo paraguayo, as votações correm normalmente sem incidente e o mundo vê isso muito bem num país democrático, entretanto o que está em questão é o miolo da urna o qual o mundo não vê e é no miolo da urna que é desviado os votos do capitão pro satanás do inferno

  33. Ninguém nunca falou em voltar a votação em cédulas de papel. Mas a esquerda e seus comparsas, deturpam as coisas de forma abominável. A mesma máquina que recebe o voto, pode imprimi-lo. Tudo isso sem trauma pra ninguém. Só transparência. Mas aí não daria chance para fraude, não é mêsmo?

  34. O que esse SUPREMO está fazendo além de AVENTURAS AUTORITÁRIAS.
    Eles não foram eleitos para GOVERNAR O BRASIL, para isso temos um PRESIDENTE ELEITO PELA MAIORIA DE VOTOS.
    Eles estão ali para verificar a CONSTITUCIONALIDADE de medidas tomadas.
    Não podem LEGISLAR, não tem esse PODER.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.