Fachin: ‘Quem trata de eleição são forças desarmadas’

'Ninguém e nada interferirá na Justiça Eleitoral', disse o presidente do Tribunal Superior Eleitoral
-Publicidade-
Presidente do TSE, Luiz Edson Fachin | Foto: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE, em 12.05.2022
Presidente do TSE, Luiz Edson Fachin | Foto: Abdias Pinheiro/SECOM/TSE, em 12.05.2022

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luiz Edson Fachin, disse nesta quinta-feira, 12, que quem cuida das eleições são as “forças desarmadas” e também afirmou que “ninguém e nada interferirá” na Justiça Eleitoral. As declarações foram dadas durante visita à sala do tribunal onde estão sendo realizados testes de segurança nas urnas eletrônicas.

“Quem vai ganhar as eleições é a democracia. Nós vamos diplomar os eleitos e isso certamente acontecerá. Há muito barulho, mas este tribunal opera com racionalidade técnica”, disse Fachin. “Vamos ter dia 2 de outubro, o Brasil terá eleições limpas, seguras, com paz e segurança. Ninguém e nada interferirá na Justiça Eleitoral.”

-Publicidade-

“Não mando e não recebo recado de ninguém. A afirmação é muito nítida. Quem investe contra o processo eleitoral investe contra a democracia. É um fato, e fato fala por si só. Não se trata de recado, é uma constatação. Temos respeito a todo chefe de Estado e jamais nos furtaremos ao diálogo”, declarou.

“Quem trata de eleição são forças desarmadas e, portanto, dizem respeito à população civil , que de maneira livre e consciente escolhe seus representantes. Logo, diálogo sim, colaboração sim, mas a palavra final é da Justiça Eleitoral”, completou Fachin.

O presidente do TSE disse ainda que a Justiça Eleitoral não vai se dobrar a quem quiser tomar as rédeas das eleições. “A Justiça Eleitoral está aberta a ouvir, mas jamais estará aberta a se dobrar a quem quer que seja [que queira] tomar as rédeas do processo eleitoral”, completou.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

35 comentários Ver comentários

  1. Esse cara gosta é do MST odeia o exército,Polícia,tudo que for de ordem ele odeia,gosta de facção, da ilegalidade.Foi o mesmo que disse que o carniça de nove dedos foi condenado no CEP errado,poderia ser em qualquer lugar menos em Curitiba, isso depois de dois anos.Advogado de bosta mais agora tem poder aguente Brasil.

  2. As FFAA deveriam divulgar com a máxima transparência possível todas as sugestões técnicas feitas ao TSE, as quais foram ignoradas pela egrégia corte. Isso fará q toda a comunidade de tecnologia da informação do Brasil e de fora entre na discussão encurralando o arrogante, obscuro, anti-democrático e esquerdista TSE. Tem q saber contestar subindo a barra técnica e mostrando q o sistema é sim muito falho em todo o seu bojo.

  3. Confio no sistema digital, tanto que utilizo cartão de crédito/débito, efetuo compras pela internet mas,…….recebo comprovantes impressos quando requisito.
    Porque não posso requisitar voto impresso? evidentemente não poderei trazer o voto para casa, terá que ser depositado em uma urna, como antigamente p/ex., certo Fachin?

  4. Cada vez que vejo o Fachin, lembro do grande Xexeo, infelizmente já falecido mas Fachin caminha igual ao Xexeo, todo deslumbrado e “empinadinho”.

  5. Todos os poderes emanam do povo e em seu nome são exercidos, e não esquecidos, ou confundidos, o povo quer e os funcionários públicos devem cumprir. O TSE representa o que, se cada cidadão não tem a comprovação física do seu voto.
    Queria voltar para casa sabendo em quem votei.
    Democracia é quando o Povo é soberano e não um bando de funcionários públicos se dizem soberanos.
    Até quando? Os togados irão abusar da nossa paciência? Até quando?

  6. As FFAA foram convidadas a participar, imagino de forma proativa ou seja para antecipar futuros problemas, e o fizeram com a competência que lhes é rotineira. O grande problema do que está acontecendo agora, é o comportamento não tão proativo assim e que seria de sua competência, com certeza, que fizeram há algum tempo atrás, através de noptas de repúdio, bilhetes, convescotes nos bastidores, etc… comportamente que repudio em qualquer militar, e que dá asas a qualquer mequetrefe chegar a esse ponto de humilhar essa instituição assim de forma tão pública. É só isso que tenho a dizer, como se isso adiantasse alguma coisa afinal.

  7. Esse é igual ao patrão de 9 dedos. N tem credibilidade e ninguem quer saber o que pensa ou fala. O recado do povão que vota ja foi dado nas ruas em varias oportunidades. Se por um acaso o LADRÃO ganhar essa bagaça na fraude n assume isso tbem e FATO. Entenderam ? Ou precisa desenhar ?

  8. Esses escolhidos pelo PT pelo critério de máximo engajamento com a esquerda radical deu nisso. Fachin advogado do MST invasor de propriedades, Barroso defensor de assassinos terroristas, e por aí vai piorando.

  9. Se a “a palavra final é da Justiça Eleitoral”, esse órgão absurdo, aparelhado, essa jabuticaba, esse cabidão de emprego e com um palácio gigante em Brasília, então estamos f_didos! Teremos que mostrar ao Fachin, que a última palavra é nossa! É do povo que vota!

  10. Se as forças armadas não conseguem nos defender de ataques internos e desarmados, imaginem ataques externos e armados. Estamos ferrados!

  11. “Naquela live recheada de mentiras, Bolsonaro divulgou documentos de uma investigação sigilosa aberta em 2018 sobre um ataque hacker no sistema do TSE”.

    Na live o presidente leu o que o TSE e a PF informaram em investigação aberta, nada sigilosa. Isto já foi amplamente divulgado.

  12. “Não mando e nem recebo recado de ninguém…” Considero uma crítica bem sarcástica ao mau costume dos militares em mandar recadinhos e notinhas de repúdio, fizeram inúmeras ações desse tipo. De tanto fazerem isso, o resultado é esse. Nem um sujeito desses aí dá crédito a esses recados. É sempre aquele ditado: “Cão que muito late, não morde”.

  13. Pelo jeito Fachin entende que as FFAA só servem para combater os conflitos que possivelmente acontecerão sem a transparência das urnas para os eleitores que não entenderão como o criminoso recentemente liberado para incendiar o pais aparecer como vencedor nessas urnas. Bolsonaro disse várias vezes que se o LULA vencer com o VOTO AUDITÁVEL, paciência, vai indicar mais 2 ministros do STF. Portanto o que se quer é TRANSPARÊNCIA das urnas eletrônicas, que os notáveis tanto condenaram. Por que temem o VOTO IMPRESSO e tudo fizeram para derrubá-lo?

  14. São todos vagabundos, imundos e nojentos com rabo preso com o ladrão corrupto e lavador de dinheiro. E os militares ouvem isso e ficam quietos. Que se explodam todos!

  15. Não conheço instituição “forças desarmadas”.
    O TSE coordena as eleições.
    Quem vota são os eleitores.
    Logo quem trata de eleições é o povo brasileiro, civis incluindo os militares, nas suas escolhas.

  16. A arrogância de Fachin se dá por não conseguir explicar as tais vulnerabilidades da urna, denunciadas pelos técnicos do exército. Somos obrigados a acreditar nele? Claro que não. O processo é inseguro e nada transparente. Ponto!

    1. A arrogância dele é porque eles detonam os militares e os verde-oliva ficam quietos, aceitando tudo. Devem estar mancomunados para eleger o corrupto e lavador de dinheiro.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.