Faltou coragem para CPI da Covid investigar os Estados, afirma Girão

'Houve um engavetamento quando eu tentava investigar a corrupção', declarou o parlamentar
-Publicidade-
O senador Luis Eduardo Girão
O senador Luis Eduardo Girão | Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O senador Luis Eduardo Girão (Podemos-CE) disse que “faltou coragem” à CPI da Covid, em referência à ausência de investigações sobre as denúncias de corrupção envolvendo as gestões estaduais. A fala do parlamentar ocorreu durante a leitura de seu voto sobre o relatório final na Comissão, nesta terça-feira, 26.

Leia também: “Uma CPI de verdade”, reportagem de capa da Edição 83 da Revista Oeste

“Na última sessão, o senhor disse que tentou trazer governadores e que essa CPI cumpriu o seu papel”, declarou Girão, durante a sessão de votação. “Me permita discordar. Acredito que essa CPI deixou a desejar. Já que o STF [Supremo Tribunal Federal] mandou esse Senado abrir essa CPI, nós deveríamos, pelo menos, ter alternativa. Chamar secretários de Saúde, e chamar empresas que praticaram fraudes durante esse período de pandemia. Nós temos muitos documentos, mas faltou vontade, faltou coragem para essa CPI fazer o seu trabalho”.

-Publicidade-

O senador Omar Aziz (PSD-AM), que preside a comissão, afirmou que não houve “covardia”, mas sim “discordância”.

“Se não houve covardia, foi uma omissão flagrante”, afirmou Girão, em resposta. “Só eu entrei com 106 requerimentos nessa comissão durante seis meses, 50 deles nem sequer foram votados ou analisados. Ou seja, houve um engavetamento aqui quando eu tentava, junto com outros colegas, investigar a corrupção.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

10 comentários Ver comentários

  1. Não vamos usar semântica para incriminar a fala do Senador.
    Ele em linguagem adequada ao ambiente do legislativo, deu o recado, e colocou o ponto nevrálgico em evidencia, mostrou que corruptos de rabo preso protegem naturalmente corruptos.

  2. Os unicos a serem investigados deveriam ser os estados e municipios. Vamos comparar com os resultados da “CPI VERDADEIRA”, a que tem a intenção de investigar, que está acontecento no Rio Grande do Norte. Essa do Renã e do Aziz só gastou o nosso tempo e nosso dinheiro.

  3. Não foi só falta de coragem, foi falta de vergonha na cara do “grupo dos 7”, nata da pior escória do senado brasileiro. A finalidade da cpi, autorizada pelo notório sinistro dos tse Barroso, tinha outra finalidade oculta, incriminar de qualquer e de todas as forma o PR.

  4. Não houve interesse dos “””senadores””” próximos aos suspeitos de investigar a bandidagem e os delitos…….
    Felizmente, a CPI circense foi só uma fachada pra gerar desgaste ao governo, mas a PF seguiu fazendo seu trabalho e pela 1ª vez na história os ladrões foram pegos ainda no curso de seus roubos.
    Esses políticos ainda não perceberam que eles passarão, e que o povo percebe o golpe.

  5. NÃO FALTOU CORAGEM NÃO. O QUE FALTOU FOI IMPARCIALIDADE, O QUE FALTOU FOI LEALDADE COM O ELEITORADO, O QUE FALTOU FOI TRANSPARÊNCIA, O QUE FALTOU FOI RESPEITO AOS QUE FALECERAM E, FINALMENTE, O QUE FALTOU FOI DECÊNCIA MESMO!!!

  6. Para parecer imparcial o senador Girão insiste em condenar falas e procedimentos pessoais de Bolsonaro no combate a Covid e portanto acaba endossando o principal objetivo desse CANGAÇO, que é criminalizar o presidente e família. E olha que tem bons motivos para enaltecer o governo federal na assistência financeira e de saúde que ofereceu aos Estados e que foi criminosamente desviada por governadores e prefeitos. Espero que essa nefasta CPI não seja abraçada pelo MPF e venha a ser até criminalizada por destruir reputações e empresas como a Prevent Senior tão bem avaliada por seus usuários.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.