-Publicidade-

‘Forte ligação com o PT’, diz Bolsonaro sobre Fachin

Presidente disse que a decisão causou surpresa
Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta segunda-feira, 8, que o ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, tem uma “forte ligação com o PT”.

Na chegada do Palácio da Alvorada, o presidente comentou a decisão de Fachin de anular todas as condenações do petista pela Justiça Federal no Paraná relacionadas às investigações da Operação Lava Jato.

Leia mais: “PGR vai recorrer da decisão de Fachin sobre Lula”

“Qualquer decisão dos 11 ministros é possível você prever o que eles pensam e o que botam no papel. O ministro Fachin sempre tem uma forte ligação com o PT. Não nos estranha uma decisão nesse sentido”, afirmou.

O presidente defendeu a análise do caso pela Segunda Turma ou pelo plenário da Corte. “Obviamente, é uma decisão monocrática, mas tem que passar pela turma, não sei, ou pelo plenário para que tenha a devida eficácia. Agora, todo mundo foi surpreendido com isso daí. As bandalheiras que esse governo fez estão claras perante toda a sociedade”, enfatizou Bolsonaro.

Sobre a possibilidade de o petista concorrer à Presidência da República, Bolsonaro disse acreditar que o povo brasileiro não quer ter Lula como candidato em 2022, muito menos “pensar em uma possível eleição dele”.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

10 comentários

  1. Nada a TEMER com a liberação desses filhos de puta.
    Se o próprio judiciário é conivente, vira. Palhaços gente do TRF-4 e se submetem a Reinaldo Azevedo, é porque gente violenta e ameaçadora pode estar com Zé Dirceu.
    É só o que podemos imaginar.

  2. Lula é o BANDIDO PREFERIDO dos esquerdistas.
    Acho que o povo brasileiro precisa saber o que quer, uma vez que o judiciário é podre.
    O “stf” mostra sua cara e partidarismo, o paranaense fachin vai pagando a conta ao PT.
    A instituição se apequena com decisões absurdas e escandalosas……
    O gilmar mendes, lewan e o tofoli estão até salivando pra absolver o lularápio.
    Veremos quem são carmem lúcia, marco aurélio, barroso e o novato……

    1. O problema não reside em habilitar este condenado à vida política. A questão é a impunidade institucionalizada! Não há justiça no Brasil. Acabou! Tribunais e palácios, são uma panaceia. Para onde vamos???

  3. As raposas continuam tomando conta do galinheiro e seus prepostos não mordem a mão que os alimenta (com nosso dinheiro). Fico pensando o quê diria Sobral PInto sobre essa decisão… Fato é que essa zelite não deixará motivos para seus descendentes se orgulharem de seus sobrenomes.

  4. Esse senhor, com sua canetada, deu um tapa no rosto do cidadão contribuinte e também envergonhou os integrantes da magistratura brasileira, incluindo desembargadores do TRF- 4 e ministros do STJ, que confirmaram as condenações!!!
    Certamente, NO FUTURO, ocorrerá a PRESCRIÇÃO. Quem viver, verá!!!

  5. Meu questionamento ao Presidente é: Nada a fazer? Recorrer a segunda turma? Brincadeira não? Creio ser possível o SR. poder fazer alguma coisa para evitar tal descalabro. Afinal, para que o Brasil é Presidencialista?

  6. Surpresa ZERO quanto a decisão de Fachin, porém eu acho que parte desta culpa pertence ao Moro. Com a saída do Governo ele se enfraqueceu na Direita (em especial com bolsonaristas), ficou mais odiado na esquerda e no PSDB/DEM/PODEMOS (esquerda “fofa”), ele confiou, foi usado e abandonado (Não vi Joice, Dória ou Mandetta defendê-lo).
    O STF, que se revelou um partido político amante e partícipe da cleptocracia de tempos em nosso país, viu a brecha e aproveitou.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.