-Publicidade-

Governo retoma ações contra crimes ambientais em terra indígena

Governo retoma ações contra crimes ambientais em terra indígena
Um militar no combate aos incêndios na Amazônia | Foto: Vinícius Mendonça/Ibama
Um militar no combate aos incêndios na Amazônia | Foto: Vinícius Mendonça/Ibama | Bolsonaro - forças - incêndios - Amazônia

Interrupção foi anunciada nesta quinta e, segundo a Defesa, atendeu a pedido dos indígenas da etnia Munduruku

Bolsonaro - forças - incêndios - Amazônia
Ações são comandadas pelo Ministério da Defesa | Foto: Vinícius Mendonça/Ibama

O Ministério da Defesa anunciou nesta sexta-feira, 7, a retomada das ações de combate a crimes ambientais na terra indígena Munduruku, no Pará. A interrupção foi anunciada ontem, um dia após o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ter visitado a região e ter sido alvo de protestos.

Na quarta, 5, o grupo que fez o ato chegou a impedir a decolagem de um avião e um helicóptero. De acordo com o governo, a suspensão das operações por um dia atendeu a pedidos dos próprios indígenas da região.

Leia mais: “Guedes rebate estrangeiros: ‘Amazônia é assunto do Brasil’”

Ainda de acordo com o Ministério da Defesa, representantes dos indígenas Munduruku estiveram em Brasília e foram recebidos no Ministério do Meio Ambiente, onde “apresentaram seus pleitos e preocupações”.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês