Ibaneis Rocha revoga estado de calamidade pública no Distrito Federal

Decreto estava em vigor desde 26 de junho de 2020
-Publicidade-
Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha | Foto: Renato Alves/Agência Brasília
Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), seguiu o governo federal e revogou nesta terça-feira, 10, o estado de calamidade pública que foi implementado devido à pandemia de covid-19. O decreto estava em vigor desde 26 de julho de 2020.

O status de calamidade permitia que o governo distrital não seguisse os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e as metas fiscais previstas nas regras orçamentárias para o ano. Além disso, possibilitava a antecipação de benefícios sociais, a liberação de seguros e a prorrogação de pagamentos de empréstimos federais.

-Publicidade-

No mês passado, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou, em pronunciamento em rede nacional, o fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional em decorrência da covid-19. Na ocasião, ele disse que a medida não significa o fim da doença. “Continuaremos a conviver com o vírus.”

No último dia 18, o governador já havia revogado o estado de calamidade pública na saúde da capital. A regra estava em vigor desde 8 de março do ano passado e valeria “enquanto perdurassem os efeitos da pandemia do novo coronavírus”. Segundo o governo local, a medida foi possível devido à desaceleração no número de casos e de mortes pela doença.

O decreto possibilitava o repasse de recursos da União e a realização de compras sem licitação. À época da implementação, a justificativa era o “risco iminente de superlotação das UTIs [Unidades de Terapia Intensiva] e unidades hospitalares na fase aguda da pandemia”.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.