Jefferson sobre denúncia contra Toffoli: ‘Vai ficar por isso mesmo?’

Presidente do Supremo Tribunal Federal teria recebido propina da Odebrecht quando foi advogado-geral da União durante o governo Lula
-Publicidade-
O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson | Foto: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL
O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson | Foto: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL | O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson | Foto: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL

Presidente do Supremo Tribunal Federal teria recebido propina da Odebrecht quando foi advogado-geral da União durante o governo Lula

jefferson
O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson | Foto: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

O presidente nacional do Partido Trabalhista Brasileiro, Roberto Jefferson, foi às redes sociais, na manhã desta segunda-feira, 13, cobrar reação da Justiça sobre a denúncia contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Antônio Dias Toffoli:

“Será que vai ficar por isso mesmo a reportagem que afirma que o atual presidente do STF foi beneficiado financeiramente por empreiteiras em 2013, quando já era ministro da Corte, e entre 2007 e 2009, quando era Advogado-Geral da União?”

Leia também: STF pressiona o Congresso pela manutenção de privilégios

Conforme veiculou Oeste, o hoje presidente do STF teria recebido, por cerca de dois anos, propina da Odebrecht. Assim sendo, pagamentos, sem valores divulgados, supostamente foram repassados a ele de 2007 a 2009, período em que era advogado-geral da União.

A informação acerca do suposto pagamento da empreiteira a Toffoli foi divulgada na sexta-feira 10, pelo site Vortex Media. A publicação afirma ter tido acesso ao depoimento prestado pelo delator Marcelo Odebrecht à Procuradoria-Geral da República, em maio.

https://twitter.com/blogdojefferson/status/1282621179631632384?s=20

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site