Kim Jong-un: ‘Estados Unidos são o maior inimigo’

Ditador norte-coreano se pronunciou durante o congresso do partido único do país
-Publicidade-
Coreia do Norte e Estados Unidos têm longa crise diplomática
Coreia do Norte e Estados Unidos têm longa crise diplomática | Coreia do Norte e Estados Unidos têm longa crise diplomática | Foto: Reprodução/Fotos Públicas

O ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, chamou os Estados Unidos (EUA) de “maior inimigo” durante o importante congresso do partido único do país e defendeu a necessidade de fortalecer a “dissuasão” nuclear norte-coreana.

Na primeira menção direta de Kim aos EUA em quatro dias de congresso, o líder autoritário falou sobre a necessidade de “se impor” ao “maior inimigo, o principal obstáculo no desenvolvimento da revolução”, informou a agência estatal de notícias KCNA na sexta-feira 8.

Referindo-se à iminente posse de Joe Biden como presidente norte-americano, Kim alegou que a política dos EUA não muda “independentemente de quem está no poder”, cobrou Washington a remover as sanções internacionais à Coreia do Norte e defendeu a necessidade de “reforçar constantemente a mais poderosa dissuasão” para proteger seu país, citando o programa de armas nucleares.

-Publicidade-

A declaração ocorre a menos de duas semanas da posse de Biden.

Leia também: “Ditador da Coreia do Norte admite erros na economia”

Com informações do Estadão Conteúdo

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.