Lava Jato: PF faz operação que mira Zanin e Wassef

Os dois advogados são investigados por suposto envolvimento num esquema de desvios no Sistema S
-Publicidade-
Agentes da PF cumprem mandados em São Paulo e Rio de Janeiro | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Agentes da PF cumprem mandados em São Paulo e Rio de Janeiro | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL | Agentes da PF cumprem mandados em São Paulo e Rio de Janeiro | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

Os dois advogados são investigados por suposto envolvimento num esquema de desvios no Sistema S

pf
Agentes da PF cumprem mandados em São Paulo e Rio de Janeiro
Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

Escritórios de advocacia em São Paulo e no Rio de Janeiro são alvo de operação da Polícia Federal (PF) nesta quarta-feira, 9, por supostos desvios de R$ 150 milhões do Sistema S (Sesc e Senac) fluminense.

A operação de hoje se chama E$quema S e é um desdobramento da Lava Jato. Ela se baseia na delação premiada do ex-presidente da Fecomercio Orlando Diniz, que controlava as entidades.

Entre os alvos dos 50 mandados de busca e apreensão estão os advogados Cristiano Zanin, que trabalha na defesa do ex-presidente Lula, e Frederick Wassef, ex-advogado do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ).

Leia também: “Moro pode ser declarado suspeito nos processos envolvendo Lula?”

Além disso, o escritório de Ana Tereza Basilio também está na mira da PF. Ela é apontada como uma das chefes do esquema, que supostamente gerenciava propinas a agentes públicos, conforme o portal G1.

Segundo a Justiça, também fazem parte da organização criminosa os advogados Marcelo Almeida, Roberto Teixeira, Fernando Hargreaves, Vladimir Spíndola e José Roberto Sampaio.

Eduardo Martins, filho do atual presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Humberto Martins, foi implicado pela PF. Da mesma forma, o ex-governador Sérgio Cabral e sua esposa, Adriana Ancelmo.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

7 comentários

    1. Leila, tenho outros 2 sonhos de consumo, um é a cassação do pt e dos partidos do Foro de sp, o outro o fim da OAB (não passa de um sindicato) controlando o trabalho advocatício. O primeiro é impossível pq o judiciário eleitoral não tem coragem para isso, inútil ao país. O outro só através de PEC pra mudar essa constituição miserável que temos.

  1. Leila, tenho outros 2 sonhos de consumo, um é a cassação do pt e dos partidos do Foro de sp, o outro o fim da OAB (não passa de um sindicato) controlando o trabalho advocatício. O primeiro é impossível pq o judiciário eleitoral não tem coragem para isso, inútil ao país. O outro só através de PEC pra mudar essa constituição miserável que temos.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site