Lewandowski manda Anvisa decidir até o fim do mês sobre importação da vacina Sputnik V

Caso o prazo não seja cumprido, o Maranhão fica autorizado a importar e distribuir as doses do imunizante russo
-Publicidade-
Ricardo Lewandowski deu ultimato à Anvisa
Ricardo Lewandowski deu ultimato à Anvisa | Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski definiu nesta terça-feira, 13, prazo até o fim deste mês para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decida sobre a importação excepcional e temporária de doses da vacina Sputnik V, informa o portal G1. O ministro tomou a decisão em ação protocolada pelo governo do Maranhão, que diz ter negociado 4,5 milhões de doses do imunizante produzido pelo Instituto Gamaleya, da Rússia.

Na decisão, o magistrado determina que a decisão seja tomada em até 30 dias, a contar de 29 de março. Se forem incluídos no prazo os fins de semana e feriados, a data limite será 28 de abril. O ministro afirma que, se o prazo for descumprido, o Maranhão fica automaticamente autorizado a importar e distribuir as doses da Sputnik V, “sob sua exclusiva responsabilidade, e desde que observadas as cautelas e recomendações do fabricante e das autoridades médicas”.

-Publicidade-

Leia também: “Anvisa adia inspeção em fábricas russas da vacina Sputnik V”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

17 comentários

  1. Pra que ANVISA se temos um STF onipotente, oniciente e onipresente, os 3 elementos básicos da divindade? Aliás, pra executivo e legislativo?

  2. Se eu fosse a ANVISA deixava o prazo passar já que o ministro do STF, que certamente é também uma autoridade sanitária, autorizou a importação. Perder tempo com isso, pra que? Seria importante também que o ministro fosse o primeiro a tomar esta vacina.

  3. Qual é a especialidade desse “cientista” do STF?. Agora, sabe de quem é a culpa dessa sumidade ainda estar ministro do STF? Da PEC DA BENGALA, porque esse bravo trabalhador já estaria aposentado há 2 anos atrás. Não entendo porque essa PEC ainda não foi revogada, pois já nos livraria também de Rosa Weber, que ainda hoje cancelou decretos do governo federal. Isto é democracia?

  4. O ministro diz que é a favor da ciência, mas passa por cima, humilha e desconsidera os cientistas brasileiros. A autorização de algum medicamento passa por várias etapas e critérios técnicos, científicos e legais. O Lewandoviski é um animal que não gosta de técnicos de alto nível no Brasil.

  5. É o poste mijando no cachorro! O governo do Maranhão – terra dos coronéis Sir Ney, voto do cabresto e todas aquelas coisas do fim do século 19 – alegou já ter negociado a compra da vacina russa, e, por este motivo, o PhD em medicina e especialista em assuntos gerais, Sr. Levandowhisky, deu prazo de 17 dias para a ANVISA decidir. Simples! ANVISA decida que NÃO!
    É vacina da Rússia, é vacina da china… Será por que existe esta ligação “Comuna”?

  6. Os ministros STF, definitivamente, perderam a vergonha. Mesmo em meio às criticas sobre as decisões monocráticas, eles insistem em decidir sobre matéria que não é de sua competência. Mas para atender aos partidos preferidos, eles não perdem tempo. O Congresso tem que dar uma trava no STF o mais rápido possível ou eles irão provocar o caso no país.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site