Líder do PSDB apresenta projeto que reduz salários de servidores e parlamentares

Proposta do deputado Carlos Sampaio pode reduzir salários de parlamentares entre 20% e 50%. É a faixa voltada para servidores e ocupantes de cargos eletivos que recebem acima de R$ 10 mil
-Publicidade-

O líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), apresentou nesta terça-feira, 24, o projeto de lei que prevê a redução do salário de servidores, empregados públicos e parlamentares. A proposta foi adiantada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e ficou a cargo da bancada tucana apresentar a matéria.

A redução dos salários valerá enquanto o Estado de calamidade permanecer decretado. Poderão ser reduzidos em 10% os salários de servidores que recebem remuneração ou subsídio superior a R$ 5 mil e inferior a R$ 10 mil. Acima disso, os percentuais mudam.

-Publicidade-

A redução poderá ser mínima de 20% e máxima de 50% para servidores e parlamentares que recebem remuneração ou subsídio superior a R$ 10 mil. Quem recebe abaixo de R$ 5 mil não sofrerá redução.

Também ficam excluídos da redução remuneratória os servidores públicos com atuação nas áreas de saúde e de segurança pública que prestem serviço efetivo durante o estado de calamidade pública.

PL remuneração AUTENTICADO.pdf by Revista Oeste on Scribd

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.