Maior parte dos brasileiros atribui aprovação da vacina aos cientistas

A classe política ficou com apenas 17% do crédito
-Publicidade-
Foto: CANVA
Foto: CANVA | vacinas - oms - covid-19
vacinas - oms - covid-19
56% dos brasileiros atribuem a aprovação das vacinas contra o coronavírus aos cientistas | Foto: CANVA

Na última sexta-feira, 22, uma pesquisa realizada pela Exame Reserach revelou que 56% dos brasileiros atribuem a aprovação das vacinas contra o coronavírus aos cientistas. A classe política ficou com apenas 17% do crédito.

Leia também: “Brasil garante mais 6,8 milhões de doses de vacinas contra a covid-19”

-Publicidade-

A pergunta foi: “no último domingo, a Anvisa aprovou o uso emergencial das vacinas Coronavac, do Butantan, e Oxford/AstraZeneca, da Fundação Oswaldo Cruz. Em sua opinião, de quem é o mérito sobre a aprovação das vacinas?”.

Dos entrevistados, 32% responderam “da comunidade científica” e 24% “do Instituto Butantan e da Fundação Oswaldo Cruz” (somados: 56%). Na terceira posição, com 13%, surge “a população brasileira”. O “governador de São Paulo João Doria” (PSDB)  ficou com 8%, seguido do “ministro da Saúde, Eduardo Pazuello” (8%), do “presidente Jair Bolsonaro” (3%) e do “Congresso Nacional” (1%). O restante (14%) não soube responder.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.