Marco Aurélio Mello faz cirurgia para retirada de câncer de pele

Supremo informou que esse tipo de lesão não provoca metástase e, com sua retirada, não será necessário nenhum tipo de tratamento posterior
-Publicidade-
Ministro do STF Marco Aurélio Mello em 6/4/2021 | Foto:  Reprodução/STF
Ministro do STF Marco Aurélio Mello em 6/4/2021 | Foto: Reprodução/STF

O ministro Marco Aurélio Mello, decano do Supremo Tribunal Federal, passou por uma cirurgia para a retirada de um carcinoma, um tipo de câncer de pele. O ministro participou da sessão da Primeira Turma desta terça, 6, com um curativo ao redor da cabeça.

Em nota, o Supremo informou que, como esse tipo de lesão não provoca metástase, depois da retirada não será necessário nenhum tipo de tratamento posterior. “O ministro foi liberado para prosseguimento normal de suas atividades e informou estar muito bem de saúde”, apontou o tribunal.

-Publicidade-

Leia mais: “Gilmar Mendes dá 5 dias para ministério explicar uso da Lei de Segurança Nacional”

Em 30 de março, Marco Aurélio anunciou que vai se aposentar da Corte em 5 de julho deste ano, sete dias antes do limite para a aposentadoria compulsória, quando completará 75 anos. O magistrado afirmou que tomou a decisão de antecipar a saída para não perder proventos que poderiam não ser oferecidos caso optasse pela aposentadoria compulsória.

O juiz do STF foi indicado para a vaga pelo primo Fernando Collor de Mello, em junho de 1990. Desde o ano passado, ele é o mais velho do Supremo.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.