Moro diz que pode ficar fora de eleições: ‘Não vivo da política’

Ex-juiz desconversa sobre possível candidatura ao Senado por São Paulo e diz que futuro segue em aberto
-Publicidade-
Moro disse que deu passo atrás e espera definição da terceira via
Moro disse que deu passo atrás e espera definição da terceira via | Foto: FÁBIO POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

O papel do ex-juiz Sergio Moro nas eleições deste ano segue em aberto. Em meio às conversas sobre a candidatura da terceira via, unindo partidos de centro, o ex-ministro da Justiça afirmou que ainda não tem a definição sobre candidatura e possíveis cargos. Inclusive, diz que considera não participar do pleito.

“Tudo é possível”, afirmou Sergio Moro, em entrevista à CNN, nesta quarta-feira, 20.

“Me coloquei naquela situação, que todos os pré-candidatos à Presidência da República deveriam se colocar: o de desprendimento. A gente tem que construir um cenário de união, para que possamos vencer os extremos. Então, não está descartada nenhuma situação. Eu posso inclusive não concorrer a nada. Não vivo da política. Eu voltei para ajudar na construção de algo que possa vencer esses extremos políticos.”

-Publicidade-

Depois da troca de partidos, saindo do Podemos para o União Brasil, Moro diz que neste momento apoia o nome de Luciano Bivar, a sugestão pontual da sua legenda para o bloco da terceira via nas eleições. Também participam das conversas em torno da candidatura única o PSDB, o MDB e o Cidadania.

“O importante é ter esse centro, essa via democrática contra dois extremos, de Lula e Bolsonaro. Ninguém queria ser vice. Eu fiz um gesto de dar um passo atrás, para permitir esse centro democrático. Sou um soldado da democracia, não estou atrás de cargo. Os ânimos podem se acirrar se não tivermos alternativas”, comentou.

Além de Bivar, pelo União Brasil, estão sobre a mesa do bloco de terceira via os nomes da senadora Simone Tebet (MDB-MS) e do ex-governador gaúcho Eduardo Leite (PSDB), derrotado nas prévias de seu partido por João Doria.

Moro desconversa sobre o Senado

Em pronunciamento anterior, já depois de ingressar no União Brasil, Moro descartou a possibilidade de se candidatar a deputado federal por São Paulo, para onde transferiu o domicílio eleitoral. Na entrevista desta quarta-feira, o ex-juiz também preferiu contornar questionamento sobre uma eventual decisão de tentar o Senado, com uma resposta sem confirmação ou negativa.

“Sou cidadão honorário de várias cidades de São Paulo, recebi a ordem do Ipiranga e nasci em Maringá, no norte do Paraná, perto de São Paulo. Achei que era um movimento político necessário vir para São Paulo, que é o centro dos acontecimentos, o que acontece aqui reverbera em todo o país”, declarou.

“A gente precisa ficar atento não só ao que acontece no cenário nacional, mas também no cenário regional”, concluiu.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

13 comentários Ver comentários

  1. É espantoso! Pensar que um dia considerei isso aí (como também milhões de brasileiros) um herói. É “ISSO AÍ”, MESMO! E, a notar pelas suas recentes atitudes, não demora pra ser chamado de coisa pior.
    Sérgio Moro está defecando em cima da sua biografia.

  2. São várias as possibilidade para Moro.
    Dentre elas pegar o lugar do Faustão aos domingos. A rede globolixo lhe deve alguma coisa nao?

  3. Convenhamos, em uma coisa Moro é admirável: antevê sua derrota nas urnas, predicado que muitos não têm, o que os levarão a tomar uma surra!

  4. Moro acreditou nos que apostavam na queda de Bolsonaro e, aderindo à conspiração, saiu atirando falsas acusações. A conspiração falhou, Bolsonaro cresceu e Moro ficou com fama de traíra. Traíra e trouxa. Ficou pendurado na broxa e agora só resta apoiar Lula, e é isso que ele vai terminar fazendo.

  5. Dá preguiça de contar quantas vezes ele fala em extremos. Que falta de discurso. Mas ele tem razão. Vamos ter que escolher entre o extremo corrupto e o extremo honesto.

    1. O q esperar do PT? Esse cinismo é o mínimo ! Agir como tendo sido ofendido!!!!!

      Não podemos perder de vista o cerne da questão: os males causados pelos iluministros supremos ao livrar a cara desse bandido!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.