-Publicidade-

‘Não podemos reinventar o Brasil a cada quatro anos’, diz Tarcísio Freitas

Afirmação foi feita pelo ministro da Infraestrutura em vídeo compartilhado hoje pelo presidente Jair Bolsonaro 
Tarcísio Gomes de Freitas comemora concessão de parte da BR-101 em Santa Catarina | Foto: Pedro França/Agência Senado
Tarcísio Gomes de Freitas comemora concessão de parte da BR-101 em Santa Catarina | Foto: Pedro França/Agência Senado | tarcísio gomes de freitas, ministério da infraestrutura, santa catarina, ccr, br-101

Afirmação foi feita pelo ministro da Infraestrutura em vídeo compartilhado hoje pelo presidente Jair Bolsonaro

tarcísio gomes de freitas, ministério da infraestrutura, santa catarina, ccr, br-101
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas  | Foto: Pedro França/Agência Senado

O presidente Jair Bolsonaro publicou hoje em sua conta no Twitter mensagem de que seu governo vai priorizar a conclusão de obras não terminadas de governos anteriores antes de iniciar novos projetos.

A publicação do presidente também compartilhou trecho de um vídeo com a declaração do ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, admitindo que o governo está, sim, inaugurando obras de governos anteriores.

“Sempre se questiona ou critica a falta de continuidade dos governos”, disse. “Terminamos obras de outros governos. Quem bom”, disse o ministro sob alguns aplausos no vídeo em que participa de audiência da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados. “Não podemos reinventar o Brasil a cada quatro anos. Infraestrutura é uma questão de Estado, é uma questão de longo prazo”, afirmou Freitas no vídeo.

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

    1. Temos, fé que com a reeleição, sendo 8 anos o Brasil mudará totalmente, e nós brasileiros de todas as raças, credos e crenças, veremos a olhos vistos que não podemos mais aceitar o passado. Os novos teria que dar continuidade e deveram nascer na política, homens competentes que seguiram com o gigantismo feito por este governo Bolsonaro e seus ministros. O povo não aceitará mais o passado corrupto, incompetente, nocivo e desumano dos últimos 50anos.

    1. Ao ver notícias como está, fico imaginando como seria o Brasil hoje se os governantes anteriores tivessem sido honestos e aplicado corretamente os recursos públicos. Certamente estaríamos num país de primeiro mundo.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês