‘O bom juiz tem como predicados a prudência de ânimos e o silêncio na língua’, diz Fux

Segundo o presidente do Supremo, a população não espera de magistrados o comportamento de políticos
-Publicidade-
Fux advertiu juízes que saem de sua área de atuação
Fux advertiu juízes que saem de sua área de atuação | Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, afirmou na última segunda-feira, 2, que os Poderes da República são harmônicos entre si, mas não podem ficar impunes quando atentam contra as instituições. O magistrado discursou na sessão de abertura do segundo semestre do Judiciário.

Segundo Fux, os membros da Corte devem se comportar de maneira adequada, respeitando suas atribuições e seu lugar de fala. “A sociedade não espera de magistrados o comportamento próprio de atores políticos”, asseverou. “O bom juiz tem como predicados a prudência de ânimos e o silêncio na língua.”

-Publicidade-

Leia também: “Bolsonaro, sobre inquérito do TSE: ‘Não aceitarei intimidações’”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários

    1. Fux capacho do Daniel. Da mesma forma o boquinha de veludo.
      Investiguem como o cabeça de ovo se tornou ministro da justiça e depois ministro do supremo….

  1. Mas não nos lábios, não é mesmo? Especialmente lábios que beijam pés de mulher de bandido condenado a mais de 200 anos de prisão. VÁ À MERDA, FUX!

  2. Se não se espera comportamento de políticos por parte de juizes, explique-nos por que o Lulu Bandeja Boca de Veludo foi fazer na câmara ao visitar 11 integrantes da comissão do voto impresso. Vocês não conseguirão o que planejam. Nós, o povo, não permitiremos.MALDITOS!

  3. Recolha pelas orelhas para dentro do STF, seus ministros fora dos lugares que se encontram. Ora como políticos dentro do Congresso, ora como celebridades nas mídias, ora em lives com boçais de toda natureza artística. No mais, ministro Fux, arrume sua casa e pare de falar da grama do vizinho.

  4. Apenas mais um discurso inócuo, porque o estrago já está feito. O ministro Barroso, com seu lobby (ou pressão), criou uma crise política tão grande, que trouxe o país para a beira de um precipício. Até agora, ninguém indicou como, o país sairá dessa. Só se vê lenha sendo lançada na fogueira. Um ministro do Supremo Tribunal Federal, sem mandato político, sabe-se lá com que argumentos e a portas fechadas com líderes de partidos, impôs sua vontade sobre a Câmara dos Deputados para que esta contrarie o clamor popular por mais transparência e mais credibilidade nas eleições. Isso foi um desacato inaceitável à separação dos Poderes, um desrespeito ao poder que emana do povo, que é a origem da Constituição e dos Poderes constituídos, e também uma flagrante degeneração do processo legislativo democrático. Nossa democracia foi vilipendiada. Portanto, na questão da punição, o Fux tem razão. Isso não pode ficar impune, e já foi qualificado por especialistas como crime de responsabilidade. Se houvesse, hoje, um Senado honrado e soberano nos termos da Constituição, esse ministro não permaneceria no cargo até 2022. Para sanear o STF, é preciso sanear o Senado. E para sanear o Senado, é preciso que a eleição seja auditável. Esse é outro fator complicador no confronto STF-STE x Voto Impresso Auditável. E ainda há a conhecida possibilidade de nos tornarmos súditos de um corrupto condenado em três instâncias. O sistema de eleições eletrônicas se mostrou uma questão de vida ou morte para a extrema esquerda e seus corruptos de estimação. Hoje eu ouso afirmar que o voto impresso auditável se tornou uma questão de vida ou morte para o povo brasileiro.

  5. Brasil, terra de muitos canalhas e covardes, e poucas pessoas de caráter e coragem.
    Como no filme Star Wars, o Império Contra Ataca, mas vamos chamar o Império de ” “Sistema” apenas.
    …. Tudo começou quando o ” Sistema ” rasgou a Constituição no impeachment da Dilma, e todos falaram ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Depois o “Sistema” criou um inquérito claramente inconstitucional, ABSOLUTAMENTE ilegal para perseguir seus opositores, prendendo jornalistas, perseguindo empresários, e todos falaram ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Indo além, o ” Sistema ” soltou o Condenado, e integrante do Sistema, causador do maior escândalo de corrupção da humanidade , e todos falaram ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Mas o ” Sistema” resolveu ir além, a anulou todas as condenações do Condenado, integrante do Sistema, tornando-o elegível ao cargo de Presidente do Brasil, e todos falaram ” Está tudo bem, tudo Normal”
    O ” Sistema” não para, e continua a perseguir opositores, quebrando sigilos, divulgando sigilos, humilhando, ridicularizando opositores, médicos, cientistas em praça pública, e todos falaram ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Agora o ” Sistema” percebendo que mesmo com todos os esforços e ilegalidades cometidas, ainda sim, corre o risco de perder as eleições em 2022, vem através de um membro, Juiz do STF, que milita, legisla, chantageia políticos para que não seja modificado o sistema que hoje permitiria uma ÓBVIA fraude em 2022, ainda sim, todos falam ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Mas o ” Sistema” não descansa, e continua quebrando sigilos, de orgãos de imprensa independentes, continua perseguindo opositores, ameaçando quem se põe contra o eles, e todos falam ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Mas só para garantir, o “Sistema” , o mesmo que tornou elegível o maior corrupto da humanidade, busca tornar inelegível um opositor, criando narrativas apoiadas por uma imprensa vendida, suja , e continuamos falando ” Está tudo bem, tudo Normal”
    Onde vamos parar? Olhem para Venezuela, nossos vizinhos, bem pertinho de nós, lá encontraremos essa resposta.
    Como dizia o Capitão Nascimento do Filme ” Tropa de Elite” ironicamente interpretado por um ator que também faz parte do ” Sistema” O SISTEMA É PHODA.
    Mas o principal problema do Brasil? Não é o Sistema, ele só faz o que se espera que ele faça, o principal problema do Brasil?
    Voltemos para minha frase inicial;
    Brasil, terra de muitos canalhas e covardes, e poucas pessoas de caráter e coragem.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro