OAB sai em defesa de jornalistas que sugeriram suicídio de Bolsonaro

Colunista do jornal Folha de S. Paulo afirmou que morte seria saída para crise política — e foi repercutido por colaborador da revista Veja
-Publicidade-
Para a OAB, não há problemas em pedir o suicídio do presidente Jair Bolsonaro
Para a OAB, não há problemas em pedir o suicídio do presidente Jair Bolsonaro | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) resolveu se manifestar a respeito do artigo “Saída para Trump: matar-se”, publicado na edição do último domingo, 10, do jornal Folha de S. Paulo. Assinado por Ruy Castro, o conteúdo foi divulgado por outro jornalista no Twitter. Pela rede social, Ricardo Noblat, da revista Veja, divulgou justamente o trecho em que é sugerido ao presidente Jair Bolsonaro tirar a própria vida.

Leia mais: “Partido Democrata entrega pedido de impeachment contra Trump”

Apesar do tom do conteúdo disseminado por colunistas da Folha de S. Paulo e da Veja, a OAB resolveu criticar o ministro da Justiça & Segurança Pública, André Mendonça. Após a repercussão do artigo sugerindo o suicídio de Trump e de Bolsonaro, o integrante do governo federal criticou o teor do conteúdo. Além disso, Mendonça avisou que pediria abertura de inquérito policial contra Castro e Noblat. “As penas de até dois anos de prisão poderão ser duplicadas”, indicou o ministro em seu perfil no Twitter.

-Publicidade-

Em vez de criticar quem clama pelo suicídio de dois presidentes, a OAB reclamou do governo federal. “A abertura de investigações policiais sobre artigos escritos pelos jornalistas Ruy Castro e Ricardo Noblat é mais uma atitude deste governo de intimidação da imprensa e contra a liberdade de expressão”, afirma a entidade em nota divulgada nesta segunda-feira, 11. Criminalizar opiniões, parábolas ou críticas ao governante não é admissível dentro do Estado de Direito. Goste-se ou não dos artigos, é preciso maturidade democrática para conviver com críticas”, prosseguiu a OAB.

Criticado por empregador

Diferentemente da OAB, a direção da revista Veja criticou o tipo de conteúdo disseminado por um de seus colunistas. Nesse sentido, a publicação afirmou repudiar a postagem feita por Ricardo Noblat sobre o tema. “Não achamos que esse tipo de opinião contribua em nada para a análise política do país”, registrou o veículo de comunicação em seu perfil no Twitter. O comando da Folha de S.Paulo, que conta com outro colunista que já registrou publicamente a torcida pela morte de Jair Bolsonaro, não se manifestou sobre o assunto.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

22 comentários Ver comentários

  1. Sempre pensei que a OAB fosse algo como um santuário dos advogados brasileiros,mas infelizmente é outro puxadinho da esquerda assim como o
    STF!

  2. E os advogados, para poderem exercer a sua profissão – com a benção do STF, claro – ainda têm de estar vinculados e essa OAB pestilenta e esquerdóide? Fazendo proselitismo barato em detrimento do que pensa a maioria dos advogados? Essas cúpulas judiciárias e quejandas e que sepultam ou apoiam o fim do direito positivo nacional, hoje, são a coisa mais lastimável que há no País.

  3. O que é a OABesta?
    -É um clube de regalias e de status dos seus diretores.

    Para que serve esse clube?
    -Serve para vender carteirinhas.

    Com que é gasto o dinheiro destas carteirinhas?
    -Com a manutenção do clube de regalias e status.

  4. Avisem a OAB que 1700 presidiários não retornaram da Saidinha de final de ano. Será que vão ficar preocupados.sobre o assunto em pauta, não vejo nenhuma surpresa, “É de onde não se espera nada, é que nada vem “.

    1. A OAB, presidida pelo militante comunista Felipe Porquinho Cevado Cruz, perdeu a credibilidade há anos. Não passa de um órgão político partidário que foi corrompido há décadas por PT, PMDB, PSDB, e por aí vai.

  5. A OAB é um lixo. O jornalista Oswaldo Eustáquio permanece preso sem ter sido julgado, teve um HC negado pelo Alexandre de Moraes e não houve uma manifestação sequer dessa entidade. Vergonha ser representado por esta ordem.

  6. Triste termos deixado que bandos de desajustados amorais fossem tomando conta de nossas salas de aulas para formarem outros tantos iguais!
    A OAB, como o STF e centenas de tribunais espalhados pelo País, se encontram lotados com esses cidadãos medíocres que só têm vez num País capenga de valores morais, éticos e meritocracia, aparelhado pela corrupção e pelo crime organizado!

  7. A OAB representa a classe mais nojenta deste Brasil. 90% dos políticos são adevogados e/ou jornalistas comunistas.
    Se assim não fossem, jamais ficariam sentados em cima de seus traseiros, enquanto um Santos Cruz de merda fica brincando de Brasil.
    Às favas hipócritas imundos!!!
    Certamente vocês estão em busca de que nos inspiremos em Quintino Bocaiuva. E isto não ocorrerá de forma violenta. Será sob os olhos dos comunistas que já nos lotaram o saco.

    1. Advocacia sempre foi uma profissão com fama de ser mais suja do que pau de galinheiro. Com a OAB atual, essa sujeira chegou a extremos. Lamento pelos advogados honestos.

  8. Quando eles desejam a morte do presidente é só liberdade de expressão, se fosse do outro lado seria ditadura, nazismo e fascismo. Será que a OAB não conhece o termo “Dois pesos e duas medidas”?

    1. Sou advogado a mais de 40 anos e posso afirmar com segurança: essa OAB que está aí não me representa e tenho certeza que se for consultar os advogados brasileiros a conclusão será a mesma. A Ordem não existe para ser trampolim político, sua função é a defesa das prerrogativas dos advogados. É uma lástima que a outrora valorosa instituição esteja sendo desbirtuada.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.