Pacheco: ‘Não antevejo fundamentos técnicos para impeachment do ministro do STF’

Presidente do Senado afirmou que pedido 'será analisado com base na Constituição'
-Publicidade-
Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco | Foto: Marcos Brandão/Agência Senado
Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco | Foto: Marcos Brandão/Agência Senado

O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco, afirmou que irá analisar “com base na Constituição” o pedido de impeachment contra o ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes. Como prometido pelo presidente Bolsonaro, o processo foi entregue à Casa nesta sexta-feira, 20. Pacheco disse que terá muito critério ao analisar o documento, mas antecipou que não antevê “fundamentos técnicos, jurídicos e políticos para impeachment do ministro do Supremo”, assim como não vê, “em relação a impeachment de presidente da República.”

Leia também: “Leia o pedido de impeachment de Bolsonaro contra Moraes”

O senador ainda declarou que manterá seu “diálogo sempre franco e aberto com o presidente da República, com o Supremo Tribunal Federal, com o presidente da Câmara, deputado Artur Lira, e com o procurador-geral da República”. Ele também argumentou que pedidos de impeachment não podem ser banalizados. “O papel do Senado deve ser de uma casa moderadora, que busca consenso, que respeita as intuições, que exige também respeito ao Parlamento”, destacou.

-Publicidade-

Leia mais: “STF repudia pedido de impeachment de Alexandre Moraes”

Por fim, questionado sobre a relação entre os três poderes agora, Pacheco disse acreditar em uma “maturidade política” para “enfrentar esses problemas e resolvê-los, como fomos capazes de resolver outros tantos”.

 

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

41 comentários

    1. PACHEQUIM, faça a sua parte e coloque em votacao para os outros 80 senadores votarem e para que a Naçao conheça as opinioes. Seja honesto e isento. Tua carreira politica agradece.
      E se o LIRA quiser abrir a gaveta e colocar o JMB na roda, tambem é legitimo. Vamos jogar DENTRO DAS 4 LINHAS. Simples assim!!

    2. O Pacheco não está nem aí, com o povo. Sabe que serão eleitos os mesmos de sempre. Vencem as eleições quem for da tchurma… Nos os pobres mortais nunca teremos vez.

  1. “Não antevejo, fundamentos técnicos para um presidente do Senado decidir monocraticamente a análise do pedido de impeachment de um ministro tirano e ativista político do STF”

  2. PACHECO não antevê porque não quer. Só não vê crimes do Moraes os de má fé. Sr. Pacheco demonstra que está alinhado com a turma que trabalha arduamente pela desestabilização do governo. “Pachequim” não antevê crime por interesses pessoais para não se indispor com o STF. Esse Pacheco, é mais um triste engodo e não engana ninguém. O preço disso será muito alto para o país e esse senhor será devidamente julgado.

  3. Como mineiro que é, o senador deveria ter um bocadinho de calma e deixar para responder um tiquinho mais tarde para ver para onde a água corre!
    Está faltando estudar melhor as lições do seu conterrâneo, o mestre Tancredo Neves. Chama um jurista decente senador e pergunta para ele se tem fundamento antes de sair afoito dando palpite errado.

  4. Esse covarde Fdp, está pensando nos seus negócios com STF e seu escritório de advocacia e não no Brasil e seu povo. Vai custar caro pro Senado.

  5. Pacheco você é um froucho comprometido com este STF sabe se lá porquê. Por certo os eleitores de Minas Gerais está vendo isto e você será defenestado da politica Brasileira.

    1. Calma Luis, ele já sabe que continuará na política somente candidatando se pelo TSE à presidência.
      O cara é mineiro e não perde trem!!!

  6. O Senador Pacheco tem por obrigação atuar como um parlamentar de respeito e encaminhar o pedido para votação. Afinal, quem propõe a ação é o Presidente da República, eleito com 58 milhões de votos. Sua atitude, em um país dito democrático, deve ser o respeito à vontade do povo — aquele mesmo povo que elegeu o PR e que, por conseguinte, é autor e objeto da democracia.

  7. Não é bem na constituição em que o Pacheco se baseia, diria eu que ele se baseará nas dezenas de processos que o STF mantém na gaveta como ferramenta de chantagem.

  8. Esse ai, como tantos outro no senado, não será julgado pelos homens. Enfrentara a ira de deus quando sua hora chegar. Nos resta torcer para que seja muito em breve. #VergonhaSenado #Bolsonaro2022 #TchauPacheco #ChupaPacheco

    1. Por mim peço desculpas Couto.
      Prometo que jamais votarei nesse bosta!!!
      Burrice mineira orgulhar-se de afogar de vez a Anta, e olha o que fizemos?

  9. Uma pena para o País Pacheco em cargo tão importante da República. Entendo que fomos negligenciando a Política, e essa foi sendo tomada por pessoas pequenas, inescrupulosas e venais, pela pior espécie de gente que habita o País; exatamente o inverso do que deveria acontecer.
    Era Dilma ou ele, e aí?
    Devemos considerar, cada vez com maior responsabilidade, as opções políticas além de incentivarmos os melhores cidadãos da sociedade aos cargos públicos!

  10. O Rodrigo Pacheco tem 23 processos nas mãos dos togados militantes meliantes. O senso de responsabilidade do Pacheco termina apenas com uma piscada de olhos dos poderosos supremos. O Alcolumbre na CCJ e Pacheco cometem CRIME de PREVARICAÇÃO não dando prosseguimento aos crimes de abusos cometidos pelos togados. Irão se proteger até quando?

  11. “pachequinho”, cara de pau, garoto de recado e capacho do stf, deslumbrado com seu nome como possível candidato à presidência em 2022 numa tal “terreira via”, endossado pelo stf, vai, tal como fez com as três milhões de assinaturas, simplesmente “KH” na cabeça do PR e do omisso povo.

  12. O SEU ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA NÃO VÊ COM BONS OLHOS O PEDIDO
    CONTRA MINISTRO DO STF……, CARA DE PAÚ, ACHANDO QUE MINEIRO É BOBO….KKKKKK

    1. Contudo, o STF é o bueiro da politica, td acaba preso em suas decisões. Não importa qtas instancias, crimes prescrevem ou são perdoados, só a polvora resolve isso, ou mais facil ainda, deixa pra lá vivemos nossa vida mediocre vendo famosos e seus iates, no globoesporte.

  13. Analise também, à luz da Constituição, a existência no Brasil de presos por crime de opinião e de perseguição política a jornalistas que não são de esquerda. Isso pode ser banalizado?

    Corta-se o mal pela raiz, e a raiz desse mal, hoje, tem assento na Corte Suprema. A Constituição Federal tem sido aviltada por integrantes do STF, e o Presidente da República fez o que é seu dever Constitucional. O Brasil espera que o presidente do Senado faça o mesmo e não fique apenas preocupado em desgastar Bolsonaro para favorecer a própria candidatura em 2022.

    O problema é muito claro: eleições inauditáveis que, em 2022, estarão nas mãos do alvo do pedido de impeachment. Senadores, Deputados e Governadores não têm a menor preocupação com o que o eleitor pense ou deixe de pensar. Quanto mais contrariarem a vontade do povo para agradar STF e TSE, maiores serão as chances de eleição/reeleição pelo sistema caixa-preta.

    O povo agora já sabe onde o mal nasce. Falta destruir suas sementes.

  14. Quem ANTEVÊ é a Mãe Dinah.
    Quem não leu um documento não deve dar opinião sobre ele.
    Não me admiro que uma pessoa que não viu um pedido assinado por MAIS DE TRÊS MILHÕES de pessoas deixe de ver mais um.
    Mas o povo está vendo e entendendo tudo. Ano que vem é ano de eleições. Antevejo que muitos parlamentares não serão reeleitos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro