Para Alcolumbre, governo faz ‘manobra ilegal’ em privatizações

Presidente do Senado acusa o Planalto de desmembrar empresas-mãe, como a Petrobras, para dar um chapéu no Legislativo; senador deve acionar o STF
-Publicidade-
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL | O presidente do Senado, Davi Alcolumbre | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

Presidente do Senado acusa o Planalto de desmembrar empresas-mãe, como a Petrobras, para dar um chapéu no Legislativo; senador deve acionar o STF

para alcolumbre
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), cobrou ontem do Supremo Tribunal Federal (STF) que proíba o que chamou de “manobra do Executivo”. Trata-se do suposto movimento do Palácio do Planalto de criar subsidiárias em estatais, como a Petrobras, para privatizá-las. Em síntese, a venda de braços de uma corporação pública é permitida por lei. Contudo, no caso das empresas-mãe, elas têm de passar pelo Congresso Nacional.

Leia também: Por que não é fácil vender estatais no Brasil?

“Essas novas empresas estão sendo criadas artificialmente com o exclusivo propósito de propiciar a posterior venda direta ao mercado”, afirmou Alcolumbre. De acordo com ele, a prática vai abrir caminho para que atos do Conselho de Administração da Corporação permitam o desmembramento da ‘empresa-mãe’ em várias subsidiárias. O senador pede uma liminar que impeça a “criação artificial de subsidiárias”, com vistas à privatização.

Leia também: Salim Mattar anuncia privatização de 12 estatais

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

12 comentários

  1. Obviamente que se ele tivesse algum tipo de “comissão” nas transações ou o governo conseguisse algum cargo para seus conterrâneos estaria dentro da lei. Esse batoré é um palhaço!

    1. Alcolumbre está chorando pelos cabides de acomodação dos apaniguados politicos, que é a função matter das estatais.
      Este senhor é um exemplo do que existe de pior na política brasileira, somente defende interesses pessoais, o Amapá está jogado às traças.

  2. HORRIPILANTE SENADO, sai das garras de um CANGACEIRO e entrega-se a um INSTALADOR DE SOM AUTOMOTIVO DANÇARINO DE ARROCHA.
    O cabaré continua.

  3. O alcolumbre poderia se ocupar com coisas mais úteis. Privatizar é o caminho, mas aí acaba as comissões, os esquemas que os políticos tanto gostam! De Calheiros a Batoré: algum presidente do senado honrará a casa?

  4. Esse sr. Alcolumbre vai ser lembrado como a pior emenda para um soneto totalmente desalinhado com os desejos do povo. É cinico e pensa que vai escapar incólume das suas maiores façanhas: forçar a aprovação do projeto das fake news e ignorar os vários pedidos de impeachment de seis ministros do supremo. Ele deveria ser cassado por não seguir sequer o regulamento do Senado. O único resultado positivo de suas ações foi revelar quem são os senadores que querem amordaçar o povo para não terem suas maracutaias expostas. Não esqueceremos!

  5. Já em campanha para que alcolumbe não seja mais eleito.fraco e perseguidor do governo. O congresso Nacional e uma anarquia só. Nível da pior qualidade com exceções de praxe. Nas próximas temos que filtrar melhor. O congresso atraso um país que já está atrasado décadas.velhas raposas devem ser alijadas.

  6. Deputado sem nenhuma expressão, entes de ser presidente do senado
    , não passava de o borra bostas , hoje sua função e travar o progresso da Nação, sem escrúpulos e sem moral, tenta de todas as maneiras impedir o
    Governo de acabar com esses cabides imorais de empregos, que são as Estatais Brasileiras.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site