PF apura desvio de R$ 40,5 milhões em contratos do DNIT

Justiça determinou o bloqueio de cerca de R$ 40 milhões nas contas dos investigados
-Publicidade-
Polícia Federal realiza operação | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Polícia Federal realiza operação | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL | Ceará - PF - Operação - Spectrum

Justiça determinou o bloqueio de cerca de R$ 40 milhões nas contas dos investigados

pf
Polícia Federal realiza operação | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã nesta quinta-feira, 3, a Operação Circuito Fechado, que investiga suposto desvio de R$ 40,5 milhões no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Conforme a PF, o esquema ocorria através de contratações fraudulentas da companhia Business to Technology (B2T), do ramo de TI. São investigados três contratos firmados pelo Dnit entre 2012 e 2019. Agentes cumprem nove mandados de prisão temporária e 44 de busca e apreensão no Distrito Federal e em três Estados: Paraná, São Paulo e Goiás.

Além disso, a Justiça Federal determinou o bloqueio de cerca de R$ 40 milhões nas contas dos investigados, bem como o sequestro de seis imóveis e 11 veículos. Esta é a segunda fase da Operação Gaveteiro, iniciada em 6 de fevereiro deste ano, para apurar o desvio de R$ 50,4 milhões no extinto Ministério do Trabalho, por meio da contratação irregular dessa mesma empresa de tecnologia. Depois da coleta de provas, a PF constatou um esquema que envolvia empregados e revendedores da empresa. O inquérito aponta ainda que o grupo vendia ferramentas de tecnologia a órgãos públicos em licitações fraudadas.

Os investigados devem responder pelos crimes de peculato, organização criminosa, lavagem de dinheiro, fraude à licitação, falsificação de documento particular, corrupção ativa e passiva. Se somadas, as penas podem ultrapassar 40 anos de prisão. Até o fechamento desta reportagem, Oeste tentou contato (por e-mail e telefone) com a assessoria da empresa em questão, mas ainda não obteve resposta. Contudo, o espaço está aberto para o posicionamento da companhia.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site