PF apura fraude de R$ 190 mi contra Sistema Financeiro Nacional

Ex-prefeito de Paulínia (SP), José Pavan Júnior é um dos investigados
-Publicidade-
Polícia Federal segue combatendo criminosos
Polícia Federal segue combatendo criminosos | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira, 20, a Operação Falsus, que visa a apurar fraudes na administração do Instituto de Previdência dos Funcionários Públicos de Paulínia (Pauliprev), com prejuízo total de pelo menos R$ 190 milhões. O objetivo da ação foi obter provas sobre irregularidades na autarquia e recebimento de vantagem indevida dos gestores, que são suspeitos de aplicar o dinheiro do Pauliprev em fundos de investimento.

De acordo com a PF, oito pessoas são investigadas, entre elas José Pavan Júnior, ex-prefeito de Paulínia, que comandou a cidade em cinco oportunidades. Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em Paulínia (SP), Louveira (SP), Sumaré (SP) e Niterói (RJ). As ordens foram expedidas pela 9ª Vara Federal de Campinas. A investigação começou em 2019, a partir de delação de um dos investigados na Operação Encilhamento.

Leia também: “Operação da PF mira funcionários de empresas do Aeroporto de Guarulhos por tráfico de drogas”

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro