PF cumpre ordens judiciais em inquérito do STF sobre fake news

Em março de 2019, Dias Toffoli abriu investigação criminal para apurar supostas notícias fraudulentas que atingem os ministros do Supremo
-Publicidade-

Em março de 2019, Dias Toffoli abriu investigação criminal para apurar supostas notícias fraudulentas que atingem os ministros do Supremo

PF cumpre ordens judiciais em inquérito do STF
À época, o MPF criticou a decisão do STF de abrir uma investigação
Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

Agentes da Polícia Federal (PF) cumprem 29 mandados de busca e apreensão em cinco Estados mais o Distrito Federal nesta quarta-feira, 27. A operação diz respeito ao inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que apura supostas fake news contra o tribunal.

Endereços no Rio de Janeiro, em São Paulo, no Paraná, no Mato Grosso e em Santa Catarina estão no alvo da PF. Segundo o deputado federal Junio Amaral (PSL-MG), a PF está na casa do blogueiro conhecido como Allan Terça Livre.

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, também é alvo da operação. No mês passado, ele denunciou um suposto golpe contra o presidente Jair Bolsonaro arquitetado por Rodrigo Maia e deputados de oposição.

Além disso, a PF cumpre ordens judiciais contra o deputado estadual Douglas Garcia (PSL-SP), o empresário Luciano Hang (conhecido como Véio da Havan), o humorista Rey Bianch e a ativista Sara Winter também estão sendo investigados.

Os deputados Daniel Silveira (PSL-RJ), Carla Zambelli (PSL-SP), Bia Kicis (PSL-DF) e Luiz Philippe de Orléans e Bragança (PSL-SP), aliados de primeira hora do presidente Bolsonaro, são nomes que complementam a lista de alvos da operação da PF.

https://twitter.com/_SaraWinter/status/1265607744532422664

O inquérito

Instrutor do processo no STF, o ministro Alexandre de Moraes criticou no fim de semana que supostas milícias digitais inventam “mentiras para desgastar a democracia”. É importante lembrar que o inquérito foi aberto, portanto, pelo ministro Dias Toffoli em março do ano passado.

À época, o Ministério Público Federal criticou a decisão da Suprema Corte de abrir o inquérito. Contudo, os ministros argumentaram que o regimento da Casa permite a abertura de investigações para apurar crimes cometidos dentro do STF. Sendo assim, continuou com o procedimento.

Juristas, porém, discordam que o STF possa abrir inquéritos. Em síntese, a medida seria inconstitucional.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

9 comments

  1. O STF É A SUPREMA VERGONHA NACIONAL!!
    O que esperar de ministros autoritários que rasgam a constituição todos os dias?? Bela parceria, Moro!!!
    A PF vai bater na minha casa por chamar o STF de vergonha?? Hum…
    Vai rolar um processo MILIONÁRIO depois.

  2. Alguém posta notícias ainda que falsas sobre o Ministro. Logo depois ele manda a PF na casa de cidadãos honestos como retaliação. E o Bolsonaro é que é uma ameaça. Grande país esse

  3. Depois vão dizer que o autoritarismo parte do Executivo, mas na prática não é o que estamos vendo. Como achar que somente apoiadores do Governo estariam sujeitos a supostas fake news? Não existe possibilidade da oposição ter eventuais fake news? Fica muito evidente a parcialidade.

  4. Tudo isso é resultado de um Senado fraco, que tem um moleque como presidente e que não reage a esses atos inconstitucionais do STF.
    Bastava o impeachment de um só.
    Sabe aquele freio de arrumação???

  5. ? O ANTAgonista que se PROJETOU com ajuda dos bolsonaristas, defendendo o blogue contra a censura do STF e compartilhando suas matérias nas redes sociais, agora COMEMORA A OPERAÇÃO DE CENSURA.
    ? MODUS OPERANDI SERGIO MORO. Cuspindo no prato que comeu e se fartou!?

  6. O Antagonista é um lixo. Passaram por isso a pouco tempo e não se posicionam sobre o absurdo de hj. O STF envergonha o Brasil com estas atitudes. Não existem outros ministros do pretório excelso para frearem está arbitrariedade???

  7. Espero ver o posicionamento da Oeste em EDITORIAL. A escalada autoritária do STF não pode passar despercebida. Isso é censura. Fui contra o inquérito ilegal sobre a Revista Crusoé (que tenho sérias discordâncias), sou contra esse inquérito ilegal contra o Terça Livre e serei contra qualquer tentativa ilegal do STF que objetive reprimir a Revista Oeste no futuro. Não podem passar por cima de algo tão valioso e caro a todos nós, a liberdade de expressão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site