PF prende suspeito de ‘hackear’ o sistema do TSE

Homem foi detido em Portugal
-Publicidade-
Polícia Federal realiza operação | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Polícia Federal realiza operação | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL | Ceará - PF - Operação - Spectrum

Homem foi detido em Portugal

lava jato
Polícia Federal realiza operação | Foto: Divulgação/Agência Brasil
-Publicidade-

Um suspeito de hackear o sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) foi preso neste sábado, 28, em Portugal. A operação foi realizada pela Polícia Federal e agentes portugueses. Além disso, a PF cumpre mandados judiciais no Brasil. No primeiro turno das eleições municipais, um ataque hacker expôs informações administrativas de ex-servidores e ex-ministros do TSE. A apuração inicial era de que os dados obtidos pelo hacker se referiam ao período de 2001 a 2010. Mas depois se constatou acesso a dados de 2020, como endereços e telefones, no Portal do Servidor, um sistema administrativo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.