PF realiza operação contra desvio milionário no SUS

Entre os crimes investigados pela Justiça estão peculato e falsidade ideológica
-Publicidade-
Empresas contratadas não teriam as especificidades exigidas para honrar com os compromissos | Foto: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA FEDERAL
Empresas contratadas não teriam as especificidades exigidas para honrar com os compromissos | Foto: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA FEDERAL | Empresas contratadas não teriam as especificidades exigidas para honrar com os compromissos | Foto: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA FEDERAL

Entre os crimes investigados pela Justiça estão peculato e falsidade ideológica

covidão
Agentes cumprem dois mandados de prisão | Foto: Divulgação/Polícia Federal
-Publicidade-

A Polícia Federal (PF) iniciou nesta quinta-feira, 24, a Operação Garrote com o objetivo de investigar supostos desvios de verbas do Sistema Único de Saúde (SUS) estimado em mais de R$ 9 milhões.

Com apoio do Departamento Nacional de Auditoria do SUS, a PF aponta contratação fraudulenta de um laboratório, por parte do município de Magé (RJ), para a execução de exames médicos.

Foram identificadas diversas irregularidades no contrato, tais como o direcionamento da escolha do próprio laboratório, além de fraudes nos processos de chamamento público e nos de execução, conforme a Justiça.

Além disso, há indícios da participação de pessoas ligadas à Secretaria municipal de Saúde do Rio e também de um vereador de Magé, que seria o real proprietário do laboratório envolvido no caso.

Agora, 40 agentes cumprem dois mandados de prisão temporária e sete de busca e apreensão no RJ. A PF investiga os crimes de dispensa ilegal de licitação, fraude em licitação, peculato, falsidade ideológica e organização criminosa.

Leia também: “O ataque do Covidão”, reportagem publicada na edição n° 7 da Revista Oeste

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site