PGR pede arquivamento de investigação sobre atos de 7 de setembro

Procuradoria diz que manifestação de Jair Bolsonaro foi “arroubo de retórica”
-Publicidade-
O presidente Jair Bolsonaro durante discurso nas manifestações do dia 7 de setembro
O presidente Jair Bolsonaro durante discurso nas manifestações do dia 7 de setembro | Foto: Divulgação

A Procuradoria-Geral da República (PGR) defendeu na sexta-feira 5, que seja arquivado o pedido para que o presidente Jair Bolsonaro seja investigado por atos em manifestação no feriado de 7 de setembro.

A Procuradoria classificou as afirmações do chefe do Executivo como “arroubos de retórica” e disse que não há crime a ser investigado. A manifestação foi assinada pelo vice-procurador-geral da República, Humbero Jacques, que afirmou que o presidente não atentou contra a democracia.

“Ainda que se admita, por mera hipótese, a existência de uma ‘ameaça’, não foi a mesma suscetível de ser tomada a sério pelo poder ‘ameaçado’. Quando muito, houve um arroubo de retórica de parte do presidente da República, e foi essa, inclusive, a percepção de um membro aposentado do Supremo Tribunal Federal à época dos fatos”, escreveu o procurador.

-Publicidade-

O parecer foi enviado à ministra Cármen Lúcia, relatora do caso no Supremo Tribunal Federal.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Tem razão a PGR. Alias, precisa ser muito desocupado para pretender investigar os
    atos do 7 de setembro. Sugere-se que aquele que teve essa ideia de jerico vá ajudar fazer investigações relativas aos gastos com a pandemia nas Prefeituras e nos Estados, que receberam polpudas verbas federais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.