-Publicidade-

Povo do Piauí banca até passagens aéreas de acompanhantes de deputados com covid-19

Benefício idealizado pela Assembleia Legislativa piauiense prevê ressarcimento de diárias em tratamentos fora do Estado
No Piauí, deputados têm passagem na faixa para realizar tratamento contra a covid-19. A conta fica para o contribuinte | Foto: CANVA
No Piauí, deputados têm passagem na faixa para realizar tratamento contra a covid-19. A conta fica para o contribuinte | Foto: CANVA | chefe de relações públicas (2)

Benefício idealizado pela Assembleia Legislativa piauiense prevê ressarcimento de diárias em tratamentos fora do Estado

piauí - alepi - passagens aéreas - covid-19
No Piauí, deputados têm passagem na faixa para realizar tratamento contra a covid-19. Nesse sentido, a conta fica para o contribuinte | Foto: CANVA

Ter direito a passagens áreas e diárias em hotéis durante seis dias. Não se trata de nenhuma promoção organizada por agência de turismo. São alguns dos benefícios concedidos pela Assembleia Legislativa do Estado do Piauí (Alepi) aos deputados estaduais que, uma vez acometidos da doença, decidam realizar o tratamento contra a covid-19 em outro lugar.

Leia mais: “SP reabre estabelecimentos e as mortes por covid-19 continuam a cair na capital”

Assinado em junho, mas com repercussão na mídia no decorrer dos últimos dias, o ato legislativo informa que os parlamentares locais terão “assegurado o ressarcimento das despesas efetuadas no tratamento” contra o novo coronavírus. Ou seja: na prática, os deputados estaduais do Piauí não irão gastar um centavo caso tenham que travar luta contra o vírus chinês. A conta ficará com o contribuinte.

A regra assinada pelo presidente da Alepi, Themístocles Filho (MDB), detalha que os deputados diagnosticados com covid-19 poderão optar por realizar tratamento ao molde de passeio turístico. Afinal, cada parlamentar que tiver a doença poderá se tratar fora do Estado. As passagens de ida e volta para até dois acompanhantes e diárias por seis dias sairão na faixa para o político em questão. E nesse período não há discriminação de valor.

Bônus de R$ 6 mil

Caso o tratamento contra a covid-19 faça com que o parlamentar piauiense e seus acompanhantes permaneçam por mais de seis dias fora do Estado, ele não ficará desamparado no quesito hospedagem. Isso porque terá o direito a ressarcimento de até R$ 6 mil por mês.

MAIS: “No interior da Bahia, pré-candidato a vereador declara apoio a Lula e Bolsonaro”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Nossa! Deve estar ocorrendo uma revolta dos eleitores.O povo está nas cercanias da Câmara exigindo a revogação desse ato. O MP eleitoral está investigando o caso. A sociedade civil organizada do estado está em polvorosa e promete reagir. KKKKKK . Nada. Nada. Nada. Os parlamentares são a imagem de seus eleitores: favores, benesses, fisiologismos, empregos sem concurso, só isso. Como diria minha avó: “Bem feito”!

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês