Preso há um mês, Roberto Jefferson pede autorização para visita de dirigente do PTB

Trata-se do secretário de Planejamento da legenda, Mauro Rogério
-Publicidade-
Roberto Jefferson está preso desde o dia 13 de agosto por determinação do ministro Alexandre de Moraes, do STF
Roberto Jefferson está preso desde o dia 13 de agosto por determinação do ministro Alexandre de Moraes, do STF | Foto: Divulgação

Preso há um mês pela Polícia Federal (PF) por decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-deputado Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB, pediu autorização à Corte para que possa receber a visita de um dirigente do partido.

Segundo informações do jornal O Globo, trata-se do secretário de Planejamento do PTB, Mauro Rogério. O pedido foi apresentado pelos advogados de Jefferson a Moraes.

Leia mais: “PGR pede prisão domiciliar para Roberto Jefferson”

-Publicidade-

No dia 4 de setembro, o magistrado decidiu manter a prisão preventiva de Jefferson, mas autorizou sua transferência para o Hospital Samaritano, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. No despacho, Moraes o proibiu de receber visitas. O ex-parlamentar tem sérios problemas de saúde.

Leia também: “A última entrevista de Roberto Jefferson”, publicada na Edição 73 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro