-Publicidade-

Projeto de Bolsonaro que altera CNH entra na pauta do Senado

Texto já foi aprovado pela Câmara dos Deputados no dia 23 de julho
Trânsito visto nesta  manhã de segunda-feira (17/08), na Marginal do Rio Pinheiros em São Paulo (SP)  | Foto: Ronaldo 
 Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo
Trânsito visto nesta manhã de segunda-feira (17/08), na Marginal do Rio Pinheiros em São Paulo (SP) | Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo

Texto já foi aprovado pela Câmara dos Deputados no dia 23 de julho

Trânsito na Marginal Pinheiros em São Paulo (SP) nesta segunda-feira, 17 de agosto de 2020
Foto: Ronaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo

A pedido do governo Bolsonaro, o Senado pautou para esta terça-feira, 18, a votação do projeto que altera o Código de Trânsito Brasileiro.

A proposta, aprovada pela Câmara em 23 de junho, amplia de cinco para dez anos a validade da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para motoristas com idade inferior a 50 anos.

O texto também aumenta a quantidade de pontos para perda da Carteira Nacional de Habilitação. O relator do projeto no Senado será o líder do PP na Casa, Ciro Nogueira (PI).

As mudanças são consideradas prioritárias pelo Palácio do Planalto. Outros temas também estão na pauta de votação.

LEIA MAIS: “Os moradores de rua e a metrópole abandonada”

Fundeb

Na próxima quinta-feira, dia 20, os senadores devem votar a proposta de emenda à Constituição que torna permanente o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb).

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês