PSDB: perdedor pode não reconhecer resultado, diz aliado de Eduardo Leite

Para Paulo Serra, prefeito de Santo André (SP), danos à imagem do partido são irreversíveis depois de fiasco em prévias
-Publicidade-
Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, disputa as prévias do PSDB
Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, disputa as prévias do PSDB | Foto: Pedro França/Agência Senado

Com o futuro das prévias do PSDB indefinido, Paulo Serra, coordenador da campanha do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, admitiu a possibilidade de o perdedor da disputa interna não reconhecer o resultado.

Segundo o prefeito de Santo André (SP), os danos à imagem da legenda pelos problemas no aplicativo de votação, no domingo 21, são irreversíveis e afetam a própria unidade do PSDB para a eleição presidencial de 2022.

“Há um arranhão na credibilidade do sistema. As alternativas têm de ser construídas conjuntamente pelas três campanhas, sem essa guerra de narrativas que tem acontecido”, afirmou Serra ao jornal Folha de S.Paulo.

-Publicidade-

“É inegável que, mesmo tecnicamente, haja reparação do aplicativo, há um arranhão já profundo. Isso precisa ser bem debatido”, prosseguiu o aliado de Eduardo Leite. “Eu acho que agora, para que a imagem do partido seja reconstruída, só a união dos esforços de todas as candidaturas e da executiva, só uma construção coletiva vai poder reconstruir esse processo. Ataques, fake news e ofensas não vão colaborar em nada com a imagem do partido.”

Ainda segundo Paulo Serra, os três postulantes à indicação do PSDB para a disputa pelo Palácio do Planalto — Eduardo Leite, João Doria e Arthur Virgílio — precisam deixar as diferenças de lado e promover uma conciliação.

“Temos de pensar no dia seguinte. Vencedores e vencidos terão de ir às ruas juntos para batalhar por essa terceira via. Tem de deixar um pouco a vaidade de lado e pensar agora na imagem partidária e no que representa o PSDB”, afirmou Serra.

PSDB quer conclusão até domingo

Como noticiado por Oeste, o PSDB informou na segunda-feira 22 que a votação das prévias deve ser concluída até domingo 28. A agremiação afirmou, em nota, que a decisão “foi tomada em conjunto pela direção do partido e pelos três pré-candidatos”.

Ontem, depois de problemas no aplicativo de votação inviabilizarem a conclusão das prévias, Eduardo Leite defendeu que o processo terminasse em até 48 horas, ou seja, até esta terça-feira, 23.

Doria e Virgílio, por sua vez, entendem que a eleição interna deve ser concluída somente no próximo domingo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Prévia, pra que prévia??? Joga leitinho e dorita numa sala escura, tranca a porta e verás a mágica acontecer …. nunca mais psdb, nunca mais …. hahahahaaa

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.