‘Sempre votamos juntos’, diz FHC em encontro com Tasso e Leite

Ex-presidente da República já declarou apoio a João Doria e vem fazendo acenos ao PT de Lula para 2022
-Publicidade-
FHC recebeu Eduardo Leite e Tasso Jereissati em São Paulo
FHC recebeu Eduardo Leite e Tasso Jereissati em São Paulo | Foto: Divulgação / Governo do Rio Grande do Sul

Depois de declarar publicamente apoio à pré-candidatura do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), ao mesmo tempo em que acena para o petista Luiz Inácio Lula da Silva em um eventual segundo turno contra Jair Bolsonaro em 2022, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso se reuniu nesta quarta-feira, 29, com outro postulante tucano ao Planalto, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

O encontro, em São Paulo, também contou com a presença do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), que desistiu de disputar as prévias tucanas e anunciou apoio a Leite. FHC aproveitou para gravar um vídeo e destacou a amizade com Tasso.

Leia mais: “‘O PT não é contra a democracia, nunca foi’, diz FHC”

-Publicidade-

“Estamos há 40 anos juntos no mesmo partido. Sempre votamos juntos, eu com ele e ele comigo”, disse o tucano. “O importante nessa eleição é a capacidade de agregar partidos e pessoas e dar um rumo ao Brasil. Se você fizer isso, ganha a eleição”, completou FHC.

Leia mais: “FHC, Temer e Sarney se unem para pregar ‘diálogo e pacificação’”

Na semana passada, como registramos, FHC voltou a falar na necessidade de uma “frente ampla” para derrotar Bolsonaro na eleição do ano que vem e fez um aceno ao PT de Lula. “É bom que se crie uma frente ampla. Que haja diversidade de opiniões, mas que sejam todas a favor da democracia. Eu não discrimino o PT. O PT não é intrinsecamente contra a democracia. Nunca foi”, disse.

Leia também: “‘Eu já disse que vou escolher o João’, diz FHC sobre Doria em 2022”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

8 comentários Ver comentários

  1. Quem ainda não leu os “diários da presidência” de FHC procure se informar o que escreveu esse senhor que como ex tucano admirei, sobre a imprensa, PT e agregados, conluios com partidos, interferência na PF, convívio com notáveis do STF, e vaidade extrema com certo desprezo por lideranças políticas de outros partidos e do seu próprio, enfim, parecendo um desabafo de um grande estadista a caminho do repouso eterno.
    Surpreende portanto, ter ressuscitado para derrubar o governo Bolsonaro e destruir o país, mesmo tendo que se aliar ao “democrata” LULA.

  2. Só o respeito pelo passado. Assim como tantos outros não vê ou faz que não vê que o passado já passou e que a população acordou e não aceita mais este conluio de 40 anos que ele tanto celebra

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.