STF mantém ação contra secretário de Doria na Justiça Eleitoral de Goiás

Alexandre Baldy é acusado por corrupção passiva, fraude à licitação, peculato e organização criminosa em contratações da área da Saúde em Goiás
-Publicidade-
Secretário de Transportes do Estado de São Paulo, Alexandre Baldy | Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Secretário de Transportes do Estado de São Paulo, Alexandre Baldy | Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal decidiu nesta terça-feira, 25, manter a decisão do ministro Gilmar Mendes que enviou o processo envolvendo o secretário de Transportes do Estado de São Paulo, Alexandre Baldy, para a Justiça Eleitoral de Goiás.

Baldy é acusado por corrupção passiva, fraude à licitação, peculato e organização criminosa em contratações da área da saúde em Goiás e chegou a ser preso durante as investigações. Gilmar Mendes rejeitou pedido da Procuradoria-Geral da República que queria manter a investigação na Vara Criminal do Rio de Janeiro, que é dirigida pelo juiz Marcelo Bretas.

Leia mais: “CCJ da Câmara aprova reforma administrativa”

-Publicidade-

Em outubro do ano passado, o ministro reconheceu que o juiz Marcelo Bretas não tinha competência legal para julgar o caso. O relator foi acompanhado em seu voto pelos ministros Ricardo Lewandowski e Kassio Nunes Marques, sendo vencidos os ministros Luiz Edson Fachin e Cármen Lúcia.

Desde o primeiro recurso apresentado ao Supremo, a defesa de Alexandre Baldy sustentou que a competência para julgar os fatos é da Justiça Eleitoral de Goiás.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.