Deputado lamenta arquivamento dos pedidos de impeachment contra Doria

Tenente Coimbra acusa Alesp de funcionar como extensão do Palácio dos Bandeirantes
-Publicidade-
Com aliado no comando da Alesp, Doria vai se safando de ter pedidos de impeachment analisados pelos deputados estaduais de SP | Foto: GOVESP
Com aliado no comando da Alesp, Doria vai se safando de ter pedidos de impeachment analisados pelos deputados estaduais de SP | Foto: GOVESP | joão doria - pedidos de impeachment - alesp - tenente coimbra - arquivamento

Tenente Coimbra acusa Alesp de funcionar como extensão do Palácio dos Bandeirantes

joão doria - pedidos de impeachment - alesp - tenente coimbra - arquivamento
Com aliado no comando da Alesp, Doria vai se safando de ter pedidos de impeachment analisados pelos deputados estaduais de SP | Foto: GOVESP

Enquanto conta com aliado no comando da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), o governador João Doria recebe críticas públicas de ao menos um deputado estadual. Nesta semana, Tenente Coimbra (PSL) lamentou o fato de três pedidos de impeachment contra o tucano terem sido arquivados.

-Publicidade-

“A Casa Legislativa tem também a função de fiscalizar os atos do Executivo”

“Em uma democracia, a Casa Legislativa tem também a função de fiscalizar os atos do Executivo e garantir que o dinheiro público seja bem usado”, disse Tenente Coimbra. Entretanto, a Alesp vem deixando de cumprir tal função, ao menos na visão do pesselista. “Infelizmente, isso não acontece em São Paulo”, prosseguiu o político, de acordo com o site da Alesp.

Leia mais:Doria volta a colocar cidades do interior em confinamento

A indignação do deputado estadual se dá na semana seguinte às medidas adotadas pelo presidente da Alesp, Cauê Macris. Filiado ao PSDB, mesmo partido de Doria, Macris resolveu não levar adiante os pedidos de impeachment. Ele arquivos as três solicitações nesse sentido. Essa atitude do presidente da Alesp foi, a saber, noticiada por Oeste.

tenente coimbra - psl - deputado estadual - pedidos de impeachment contra Doria - arquivamento
O deputado estadual Tenente Coimbra | FOTO: ARQUIVO/ALESP

Querendo tirar Doria do poder

O Tenente Coimbra foi autor de uma das solicitações de impeachment contra Doria. Ao lado dos também deputados estaduais Gil Diniz, Edna Macedo, Douglas Garcia, Frederico d”Avila, Letícia Aguiar, Major Mecca, Tenente Nascimento e Valéria Bolsonaro, ele protocolou o pedido de cassação do governador paulista em abril. Os outros dois pedidos tiveram o senador Major Olímpio (PSL) como autor.

Aliado de primeira hora

A família Macris pode ser considerada uma aliada fiel a João Doria. Durante as eleições de 2018, quando integrantes do PSDB anunciaram que votariam em Márcio França (PSDB), Cauê Macris e seu pai, o deputado federal Vanderlei Macris, usaram redes sociais para ajudar a promover a campanha tucana.

Agora, apesar de prefeitos do PSDB espalhados pelo Estado de São Paulo criticarem a postura de Doria no enfrentamento ao novo coronavírus, o presidente da Alesp mostra que segue apoiando o governador. Assim, os deputados paulistas seguem sem analisar se o tucano deve seguir à frente do Palácio dos Bandeirantes.

Cauê Macris arquiva pedidos de impeachment contra Doria
O governador de São Paulo, João Doria (esq), e presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, Cauê Macris (dir), em evento na Alesp | Foto: DIVULGAÇÃO/ALESP
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.