TRF-4 transfere investigação contra Lulinha para São Paulo

Lulinha é investigado por suspeita de ter recebido mais de 100 milhões de reais em propina.
-Publicidade-

Lulinha é investigado por suspeita de ter recebido mais de 100 milhões de reais em propina

-Publicidade-

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, determinou a transferência de investigação contra o filho do ex-presidente Lula, Fábio Luis Lula da Silva, de Curitiba para São Paulo.

A decisão foi tomada pela 8ª Turma do Tribunal nesta quarta-feira, 11, de forma unânime.

Lulinha é investigado por suspeita de ter recebido, da empresa Oi/Telemar, mais de 100 milhões de reais em propina.

Segundo os desembargadores, os fatos denunciados pelo Ministério Público Federal não envolvem a Petrobras nem foram praticados na região de competência da Justiça Federal do Paraná.

Existe a suspeita de que parte do dinheiro teria sido lavada com a aquisição do sítio de Atibaia.

Mas o relator do caso, João Pedro Gebran Neto, argumentou que tal fato não é suficiente para que o caso continue em Curitiba.

O desembargador também esclareceu que a transferência para São Paulo não anula os atos que foram praticados até agora no processo. O MPF ainda pode recorrer da decisão.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site