TSE mantém ex-governador Pezão inelegível até 2022

Corte eleitoral tomou a decisão por 6 votos a 1
-Publicidade-
Luiz Fernando Pezão, ex-governador do Rio, segue inelegível até o ano que vem
Luiz Fernando Pezão, ex-governador do Rio, segue inelegível até o ano que vem | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta-feira, 14, por 6 votos a 1, manter uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ) que declarou inelegível o ex-governador Luiz Fernando Pezão. Ele foi condenado por abuso de poder político e econômico nas eleições de 2014.

A ação foi apresentada pelo então candidato a deputado estadual Marcelo Freixo (Psol). “Penso que o conjunto probatório é no sentido de que o governador, candidato à reeleição, se valeu do cargo para obter doações vultosas para sua campanha eleitoral”, anotou o relator do processo na Corte, ministro Luís Felipe Salomão.

Leia mais: “PGR se manifesta a favor de decisão que manteve ‘passaporte da vacina’ no Rio”

-Publicidade-

Acompanharam o voto do relator os ministros Mauro Campbell, Carlos Horbach, Alexandre de Moraes, Nunes Marques e Edson Fachin. Pezão ainda pode recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF).

A decisão do TRE-RJ foi tomada em 2019. Na época, a Procuradoria Regional Eleitoral do Rio entendeu que ficou provada a “manobra de financiamento” da campanha de Pezão.

Como a legislação determina que a inelegibilidade vale até as eleições que ocorrerem oito anos depois da ilegalidade cometida, o ex-governador do Rio não pode se candidatar até 2022.

Leia também: “Vereador de Duque de Caxias é assassinado a tiros de fuzil”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.