Revista Oeste - Eleições 2022

Vídeo: no Paraná, ex-deputado Boca Aberta agride Mamãe Falei

Confusão ocorreu em Londrina, interior do Estado
-Publicidade-
Boca Aberta deu tapa em Mamãe Falei | Foto: Reprodução
Boca Aberta deu tapa em Mamãe Falei | Foto: Reprodução

O ex-deputado federal Emerson Petriv, conhecido por Boca Aberta (Pros-PR), agrediu o ex-deputado estadual paulista Arthur do Val, conhecido por Mamãe Falei (União Brasil). Em vídeos que circulam pelas redes sociais, Boca Aberta e apoiadores agridem integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL), em Londrina (PR). Renan Santos, um dos líderes do movimento, também foi agredido.

“Vem aqui, vagabundo. Vem cá. Você vem de São Paulo, você merece levar tapa na cara”, disse Boca Aberta, em trecho do vídeo. Até o momento, ninguém explicou o motivo que culminou na confusão.

Os membros do MBL estavam no interior do Paraná para gravar vídeos para a pré-candidatura de um aliado. Portais regionais do interior do Paraná informaram que Boca Aberta registrou boletim de ocorrência, porque um dos integrantes do MBL estava supostamente armado. Por outro lado, Mamãe Falei e Renan Santos também foram à polícia contra o ex-parlamentar.

-Publicidade-

De cassado para cassado

Boca Aberta perdeu o mandato de deputado federal em 2021, depois de a Câmara dos Deputados reconhecer decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que cassou o parlamentar. Isso porque ele concorreu em 2018 com liminar da Justiça, depois de ter sido cassado por quebra de decoro parlamentar pela Câmara de Londrina. Com a revogação da liminar, ele ficou enquadrado na Lei da Ficha Limpa — tornando-se inelegível por oito anos.

Já Mamãe Falei foi cassado pela Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) depois de afirmar em áudios que mulheres ucranianas “eram fáceis, porque são pobres.” O ex-deputado paulista estava em território ucraniano quando fez as declarações.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

16 comentários Ver comentários

  1. Petriv é um sobrenome ucraniano. Só eu que notei isso? Como nos sentimos quando europeus falam que todas as brasileiras são fáceis e que todos os brasileiros são traficantes?

  2. Infelizmente, vemos cada dia esses rapazes do MBL se envolvendo em episódios negativos, tinham tudo para escrever uma história promissora na política, mas inveredaram por uma estrada pontuada de inconssistências, todos aqueles que traíram os ideais da direita indo contra o Presidente Bolsonaro como Dórea, Joice e tantos outros estão em declínio em suas carreiras.

  3. paraná adora eleger tranqueiras…..e se acham..especiais.
    Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte, Acre e Rio de Janeiro só presenteiam o Brasil e a civilidade com BOSTAS!!
    Eu sei que todos os estados elegem um ou outro bosta…mas esse citados acima há 40 anos se superam.

      1. Pode generalizar, que não vou ficar chateado com você.

  4. Espero que neste ano o brasileiro de bem não seja enrolado principalmente por essa corja esquerdista e vote seletivamente em políticos da direita com bons históricos e contribuições para o crescimento do Brasil.

  5. São esses os tipos padrão de nossos deputados, sejam estaduais ou federais, não importa, são na melhor das hipóteses, um bando de moleques de rua. Quem se habilita a entrar num meio ambiente desses?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.