Presidente eleito da Bolívia agradece a Lula, Maduro e Cristina Kirchner

Edição da semana

Em Em 19 out 2020, 18:20

Presidente eleito da Bolívia agradece a Lula, Maduro e Cristina Kirchner

19 out 2020, 18:20

Luis Alberto Arce Catacora é aliado de Evo Morales

Luis Alberto Arce Catacora - presidente eleito da bolívia - esquerda

Luis Alberto Arce Catacora será o próximo presidente da Bolívia | Foto: Reprodução/Twitter

Presidente eleito da Bolívia, conforme admitido por seus opositores, o economista Luís Alberto Arce Catacora comemorou o resultado na tarde desta segunda-feira, 19. No ambiente virtual, ele aproveitou o momento para agradecer ao apoio vindo de políticos da esquerda de outros países da América do Sul.

Leia mais: “Trump teve 65 posts censurados contra nenhum de Biden”

O ex-presidente Lula foi um dos que Arce Catacora agradeceu publicamente. “Muito obrigado, companheiro Lula. O vencedor é o povo boliviano que recuperou a democracia e a esperança nas urnas”, afirmou o boliviano por meio do Twitter. Horas antes, o petista usou a mesma rede social para parabenizar a população da Bolívia, o colega eleito e Evo Morales, a quem definiu como “amigo.”

Ex-mandatária e atual vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner foi outra a ser marcada por Arce Cataroca em mensagem no Twitter. “Obrigado!”, enfatizou o presidente eleito da Bolívia. “Estamos muito felizes e mais unidos do que nunca. Venceu o povo boliviano que, em paz e tranquilidade, recuperou democraticamente a pátria”, alegou o aliado e ex-ministro da Economia de Morales.

Mensagem utilizada para festejar com Lula, o “muito obrigado” também apareceu em conteúdo direcionado ao ditador Nicolás Maduro, da Venezuela, que definiu que a Bolívia estava convivendo em um “golpe” desde que o “índio chefe do Sul” Morales deixou o poder, em novembro de 2019. “Com a sabedoria e a confiança do povo, recuperamos a democracia e a esperança”, destacou o político que comandará a Bolívia pelos próximos anos. Assim, deixou claro que o país voltará ao controle da esquerda.

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

15 Comentários

  1. Coitado do povo boliviano. Que sina!

    Responder
    • Q nada, Pedro. Coitado uma ova! Com os vizinhos argentinos e venezuelanos em queda livre com a desgraça comunista, os caras votam nesses bandidos? Têm q se fuder mesmo! Sóespero q Bolsonaro feche as fronteiras, pois a Bolívia já é um país miserável, mas os bandidos torná-lo-ão pior ainda.

      Responder
    • Coitado nada Pedro, eles que escolheram, agora que arquem com as consequências!

      Responder
  2. O fórum d são Paulo voltando a América do Sul.

    Responder
  3. Que bolivianos burricos! Ai que bolivianos burricos! Ai que bolivianos bur-ros! Depois não quero saber desses bhostas pedindo arrego quando fugirem da sanha deles não! DESGRAÇA!

    Responder
  4. Mais um para o fundo do poço.

    Responder
  5. Coitada da Bolivia.

    Responder
  6. O BRASIL AINDA VAI SOCORRER O POVO ARGENTINO E BOLIVIANO, ASSIM COMO JÁ FAZ COM OS VENEZUELANOS. Lástima!

    Responder
  7. Confirma-se neles que é verdadeiro o provérbio: “O cão volta ao seu vômito” e ainda: “A porca lavada volta a revolver-se na lama”. (2 Pe 2:22)

    Responder
    • Pois é? Reclamam da vida de mherda que levam mas não fazem bhosta nenhuma pra mudar! Igual gabriella cravo e canella!

      Responder
  8. Solicito o cancelamento da minha assinatura.

    Responder
  9. Assim como na Argentina, aqueles subdesenvolvidos não são coitados – a escolha é DELES. Como demonstrado em artigo recente da BBC, o dito “crescimento” da Bolívia nos últimos anos reflete dois fatores básicos:

    – é MUITO mais fácil crescer em níveis mais altos quando a base de comparação de desenvolvimento econômico é extremamente baixa; vide exemplos de países africanos recém-saídos de conflitos ou mesmo a China, cuja população rural continua miserável;

    – a exemplo da Venezuela na época chavista, a fantasiosa evolução da economia boliviana nos anos de Evo, tão celebrada pelos acéfalos da esquerda, decorre de populismo puro onde déficits crescentes são criados para que a pesada conta seja cobrada só lá na frente, quando a austeridade for finalmente necessária para sanear as contas do país;

    – o Brasil que se lixe para o que eles fazem, já que praticamente não precisamos mais do gás natural daquele país.

    Responder
  10. Meteoros Vermelhos que vão causar destruição.

    Responder
  11. O que creio ser pertinente comentar é que o aparelhamento comuna catequizando as instituições de ensino junto ao natural processo degenerativo que a humanidade está enfiada, garantiram o que acontece não só na Bolívia, mas no mundo INTEIRO!
    As pessoas ainda não perceberam que que tudo isso é cortina de fumaça, o gol é a submissão completa da humanidade, e isso estão conseguindo com absurda facilidade.
    Hoje, o que mais tem é demente com focinheira, sequer as pessoas entendem que usar essas focinheiras é questão de controle e submissão e não tem nada a ver com métodos profiláticos, até porque não é!
    Daí, eu pergunto: um povo que aceita praticar um ato equivalente a comer, defecar e comer o que defecou tem alguma salvação?
    A expiração é o defecar da respiração, e a obrigação de focinheira é simplesmente o mesmo que defecar e comer de novo o defecado!
    Preciso dizer que a próxima será o real defecar?
    Afinal irão concluir que os esgotos, as fossas septicas, são fonte de doenças, e aí, inventarâo uma forma de reciclar excremento para que todos comam.
    Se acham que exagero deixo o óbvio: Já é assumido que buraco de fezes é órgão sexual pela massa. Só que sexo É REPRODUÇÃO, e se buraco defezes é órgão sexual, gente e fezes é igual, ambos nascidos de “órgão sexual”!
    E nem preciso dizer que essa agenda misógina afirma para todos que as vaginas de nossas mães que nos pariram vale o mesmo que um ânus de um doente fecalopata, que sequer tem qualidade para ser o que é!
    Ninguém está percebendo o elefante branco no meio da sala, mas as formigas e baratas estão incomodando a todos!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O império dos sem-voto

Há cada vez mais pessoas que nunca receberam um único voto na vida, e não têm mandato nenhum, dizendo o que o cidadão deve ou não deve fazer

O mal de roupa nova

O Partido Democrata não esconde as intenções: quer mais coletivismo, menos autonomia dos Estados, maior controle exercido pelo Executivo central e intervenção na economia

A nova Torre de Babel

Ao contrário do mito bíblico, a torre atual está sendo edificada com base na confusão proposital das palavras por indivíduos desprovidos de inteligência e coragem

Segundo turno nupcial

“Ué, você tá torcendo pra mim?” / “Não sei. Estou indeciso”

A imprensa morre no escuro

A atividade que já foi chamada de “quarto poder” escorrega perigosamente para a irrelevância

O resgate de Tocqueville

O desprezo pelo cristianismo, tão comum em meios “progressistas”, representa um perigoso afastamento dos pilares norte-americanos

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês