Rede Sustentabilidade aciona o STF para CoronaVac ser aprovada

Edição da semana

Em Em 11 jan 2021, 19:21

Rede aciona o STF para CoronaVac ser aprovada em 72 horas

11 jan 2021, 19:21

Partido da esquerda judicializa o trabalho da Anvisa

coronavac - stf - rede sustentabilidade - anvisa

Partido cobra aprovação da CoronaVac acelerada de vacina contra o novo coronavírus | Foto: Facebook/Instituto Butantan

No que depender de um partido da esquerda brasileira, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não terá outra alternativa a não ser aprovar o uso emergencial da CoronaVac ao decorrer das próximas 72 horas. Essa postura é cobrada judicialmente pela Rede Sustentabilidade. A legenda ingressou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) nesta segunda-feira, 11.

Leia mais: “Imunização em massa: Pazuello fala em priorizar 1ª dose”

Aparentemente, a equipe da Rede não levou em consideração o fato destacado oficialmente pela Anvisa no último fim de semana. Em nota, a agência afirmou que o Instituto Butantan, órgão responsável pela produção do imunizante contra a covid-19 em parceria com o laboratório chinês Sinovac Biotech, não entregou a documentação necessária para que a análise para aprovação — ou rejeição — do uso emergencial.

Independentemente do parecer a ser dado da Anvisa, os políticos da Rede Sustentabilidade já definiram que a CoronaVac é “cientificamente segura e eficaz para a imunização da população mundial contra o coronavírus”. No pedido feito ao STF, O partido não explicou, contudo, que além de estar em discussão Brasil, o projeto de vacina da Sinovac Biotech segue em testes em somente três países: China, Indonésia e Turquia, conforme noticiou Oeste em “A verdade sobre a CoronaVac”, reportagem de capa da Edição 32.

Crítica ao governo federal

Além de já definir que a CoronaVac deve ser aprovada o quanto antes pela Anvisa, a Rede aproveita para criticar o governo federal na ação entregue ao STF. De acordo com o partido da esquerda que tem somente um deputado federal, a equipe liderada pelo presidente Jair Bolsonaro foi responsável por “dose de atuação errática” no trabalho relacionado à vacinação contra o novo coronavírus no país, informa o portal R7.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

13 Comentários

  1. Esse partido é patético! Que representatividade tem esse partido diante do povo brasileiro? É o que posso escrever para não dizer coisas escabrosas.

  2. Só falta um “cientista” do STF atender ao pedido da Rede de Inexpressividade.

  3. Fantásticos, esses cientistas da Rede! Quantos “Nobel” eles têm? E os ditadores togados, também têm”Nobel”? Nem Dólia & Sua Gangue estão mais botando a mão no fogo pela vachina.

  4. Típico de esquerdistas. Sobrepõe a lógica, a razão e até os critérios científicos para fazerem valer suas convicções e interesses político-ideologicos.
    São ridículos!!!

  5. Seria cômico se não fosse trágico. Não tem como o País dar certo com a esquerda que temos. E o pior é que, além do congresso, também temos uma expressiva bancada da esquerda no STF, isso sem falar da bancada dos amigos dos corruptos do centro e da direita.

  6. No monento da aprovação, Manda a Marina Silva a a Randolfa serem as primeiras a tomar a vachina da Dorinha calcinha.

  7. Minha nossa, isso é para salvar vidas mesmo ou é pressão direta de Pequim?

  8. Caiu na Rede …………… O que será ?

  9. Tem que aprovar na marra …nem que seja veneno…o STF virou escritório do randolfi…

  10. Até quando o STF vai se prestar à querelas ideológicas? Até quando indivíduos inescrupulosos e irresponsáveis vão influir na vida da Nação através de ações judiciais? Até quando os órgãos oficiais do Estado ficarão sob decisões inadequadas e inoportunas de quem não tem nem recebeu delegação popular para decidir questões administrativas da Nação? É preciso dar um basta a essa insensatez !!!!

  11. Coisas do tal despachante do STF Randolfe Rodrigues, inútil senador pelo Amapá que com pouco mais de 200 mil votos, vota CONTRA todas as reformas inclusive a importantíssima MP 871 de combate a fraudes na previdência aprovada no último dia para não caducar, e o marco regulatório do saneamento básico. Perde todas e tudo JUDICIALIZA, para conquistar alguns efeitos e ser notável.
    Caso o STF aceite, penso que esta na hora da AGU pedir a essa SUPREMA CORTE, que se responsabilize doravante em todos eventuais processos que seguramente a OAB vai impetrar, sobre os eventos adversos nessa vacinação. Só isso. Se houver condenação dada por eles mesmos, que as indenizações e custos dos processos sejam pessoais de seus ministros, e não do bolso do contribuinte.
    Será indecente e antidemocrática essa minha colocação?

  12. Rede fazendo política com a saúde do povo.

  13. Essa Rede vive de judicializaçao. Partido podre.

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O partido contra o Brasil

Ninguém ainda descobriu no planeta um jeito tão eficaz de concentrar renda quanto a fórmula usada para administrar as contas públicas no país

A paciência acabou

Os brasileiros começam a reagir à cassação dos direitos individuais

Os novos senhores do mundo

Os gigantes da tecnologia censuram Trump, fazem o que bem entendem e exercem um poder global desmedido. Isso é justo?

Eficácia

“Você demorou muito a comprar. Eficácia depende de rapidez” / “Poxa… Se eu soubesse teria comprado mais rápido. Ando muito dispersivo”

O culto à ignorância

Valorizar a educação formal e a cultura clássica virou preconceito elitista, um mau sinal para o futuro

Como surgiu o novo coronavírus?

A resposta mais provável, até o momento: o vírus teve origem em pesquisas com manipulação genética no Instituto de Virologia de Wuhan

Globalistas assanhados com Biden

Eles não costumam viver de fatos, apenas de narrativas. Adotam a visão estética de mundo, e por isso a ONU é seu maior símbolo

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

Macron e a soja

Macron e a soja

Sua última ideia a respeito do assunto é acabar com a “dependência” que a França teria da soja brasileira – in...

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês